in , ,

Polícia investiga pai e madrasta que obrigaram jovem a cortar o cabelo após ela fazer luzes

O caso viralizou no Facebook e a polícia local abriu investigação sobre o assunto

A polícia da pequena cidade de Haskins, nos Estados Unidos, está investigando um caso que viralizou no Facebook em que uma mãe acusa o pai e a madrasta da sua filha adolescente de a obrigarem a cortar o cabelo por ter feito luzes. Segundo o comandante da polícia local, Kelsey teve seu cabelo cortado como punição por ter feito o tratamento estético.

“Eu sou policial desde 1992 e nunca vi um caso parecido”, disse Colby Carroll à emissora local FOX8. “A mãe estava brava por conta de como cuidaram da sua filha, para botar em termos mais brandos”, continuou. O pai de Kelsey, Schaffen Frederick, e sua madrasta, Sarah Murray, são bombeiros voluntários na cidade e foram afastados dos seus cargos por conta das denúncias de maus tratos.

No Facebook, Christin Johnson, mãe da menina, fez um post externalizando a sua raiva sobre o ocorrido e a publicação já foi compartilhada 25 mil vezes. “Minha filha estava desse jeito quando a levei para a casa do pai dela no domingo e as outras duas fotos são como ela está hoje quando voltou, tudo porque a levei para fazer luzes no cabelo como presente de aniversário”, escreveu.

Veja as fotos abaixo:

Comente com o Facebook
feedclub seios caídos

Jovem lança campanha para ajudar mulheres que têm seios ‘caídos’

feedclub cãozinho adotado

Cãozinho que sofria maus tratos é adotado e aprende até a confiar nos irmãos