in ,

Elenco do ‘Castelo Rá-Tim-Bum’ leva web à loucura com vídeo sobre o coronavírus

Atores da aclamada atração infantil reviveram seus personagens para incentivarem o público a ficar em casa

Foto: Divulgação

A pandemia causada pelo coronavírus fez o elenco do ‘Castelo Rá-Tim-Bum’, clássico infantil dos anos 1990 da TV Cultura, se unir para incentivar as pessoas a permanecerem em isolamento social. Diversos atores da atração voltaram a interpretar seus icônicos personagens em um vídeo que levou os internautas à loucura nas redes sociais.

Nas imagens compartilhadas nas redes sociais, os atores responsáveis pelos personagens principais da trama aconselham o público a cumprirem a quarentena para que o vírus não se espalhe ainda mais.

Veja também:
Flávia Pavanelli está com Covid-19 e garante que não saiu de casa, mas é detonada

Cada um gravou sua participação a partir de sua própria casa e alguns deles até mesmo voltaram a vestir seus conhecidos figurinos.

Cássio Scapin, que interpretou o protagonista Nino, inicia o vídeo reclamando sobre a necessidade de permanecer em casa. “Puxa, puxa, que chato… todo mundo preso dentro de casa e não tem nada pra fazer. Imagine eu, preso dentro de um castelo por 300 anos”, disse, relembrando a trama do programa.

A jornalista Penélope, interpretada por Angela Dipp, também aparece mandando um beijo para os colegas de profissão da personagem que estão trabalhando muito neste período, para manter a população informada.

Ela conclui dizendo que, se perguntarem por que temos que ficar em casa, temos que responder da mesma forma que respondiam para o Zequinha: “Porque sim!”.

Outros personagens que surgiram no vídeo são o inesquecível Dr. Victor, interpretado pelo veterano Sérgio Mamberti, Biba (Cinthya Rachel), Zequinha (Freddy Allan agora adulto, claro), o vilão Dr. Abobrinha (Pascoal da Conceição), Telekid (Marcelo Tas), a fadinha Lara (Teresa Athaide), as Passarinhas (Ciça Meirelles e Dilma Souza Campos), a Caipora (Patrícia Gaspar), os “gêmeos” Tíbio e Perônio (Flávio de Souza e Henrique Stroeter), o entregador Bongô (Eduardo Silva) e até mesmo a cobra Celeste (Álvaro Petersen).

Veja também:
Pacientes com suspeita de coronavírus fogem de hospitais e polícia precisa intervir

Outros envolvidos com a produção, como Cao Hamburger (diretor e criador), Mário Manga e André Abujamra (compositores da trilha sonora) e o figurinista Ricardinho aparecem incentivando as pessoas a ficarem em casa e respeitarem o isolamento.

Assista ao vídeo completo:

Castelo Rá-Tim-Bum tem feito a diferença durante a pandemia

No início da pandemia, o sucesso do ‘Castelo Rá-Tim-Bum’ também foi lembrado para incentivar as pessoas a lavarem as mãos. Quem não se lembra do hit ‘Lavar As Mãos’?

A faixa foi composta em 1995 por Arnaldo Antunes e marcou uma geração que tinha a televisão como um dos únicos meios de comunicação.

A letra é direta no assunto: “Uma, Lava a outra, Lava uma (Mão), Lava a outra (mão), Lava uma (Mão). Depois de brincar no chão de areia a tarde inteira. Antes de comer, beber, lamber, pegar na mamadeira. A doença vai embora junto com a sujeira. Verme, bactéria, mando embora embaixo da torneira. Na segunda, terça, quarta, quinta e sexta-feira. Na beira da pia, tanque, bica, bacia, banheira”.

Relembre:

Veja também:
Narcisa Tamborindeguy abraça árvores e volta a viralizar ao refletir sobre coronavírus

Recomendamos para você

Deixe seu comentário

bruno gagliasso

Pizzaria de Bruno Gagliasso dará descontos se Ivy for ao ‘Paredão’ no ‘BBB 20’

auxílio emergencial

Governo erra e paga auxílio emergencial de R$ 42 milhões a um único homem