in ,

Cristiano Ronaldo é confirmado como o novo reforço da Juventus

Real Madrid divulgou a negociação através de um comunicado e o time italiano deve anunciar o astro em breve

A novela sobre o destino de Cristiano Ronaldo finalmente teve um fim nesta terça-feira, e com uma nova casa para o craque português. Depois de nove temporadas vestindo as cores do Real Madrid, o astro de 33 anos foi confirmado como novo reforço da Juventus, naquela que pode ser considerada a principal transação do futebol mundial nos últimos anos.

A confirmação do acordo veio através de comunicado oficial divulgado pelo Real. “O Real Madrid comunica que, atendendo a vontade e pedido expressados pelo jogador Cristiano Ronaldo, acertou sua transferência para a Juventus. Hoje, o clube quer expressar seu agradecimento a um jogador que demonstrou ser o melhor do mundo e que marcou uma das épocas mais brilhantes de nossa história”, apontou.

Os rumores sobre a ida de Ronaldo para a Juventus já vinham ganhando força desde o fim da última temporada europeia. Após uma breve esfriada durante a Copa do Mundo, se intensificaram novamente após a eliminação de Portugal da competição na Rússia e, desde então, a imprensa da Europa dava como questão de tempo a confirmação.

De acordo com os veículos midiáticos do continente, a contratação poderia ter sido anunciada até antes, se não fosse o fato de Ronaldo sair de férias após a Copa. Isso obrigou o presidente da Juventus, Andrea Agnelli, a viajar para a Grécia, onde se encontrou com o craque para discutir os últimos detalhes da transação.

O acerto com o Real Madrid foi encaminhado nos últimos dias e selado nesta terça. O clube espanhol cumpriu a promessa de não dificultar a saída do atacante, após pedido do próprio português, que teria se sentido desvalorizado por algumas atitudes da direção do clube espanhol nos últimos tempos.

Veja também:
Exames mostram que Cristiano Ronaldo tem o corpo de um jogador de 20 anos

Prova deste entendimento entre as partes foi a redução do valor da multa rescisória do jogador por parte do Real, noticiada pela imprensa espanhola no fim do mês passado. O agente do astro, o português Jorge Mendes, chegou a falar: “Se ele (Ronaldo) sair, será eternamente grato ao clube”.

A parceria entre Ronaldo e Real foi bastante vitoriosa e benéfica para ambos os lados. O jogador chegou ao clube em 2009 após ter sido eleito o melhor jogador do mundo no ano anterior vestindo as cores do Manchester United, mas só atingiu seu auge no time espanhol. De lá para cá, ganhou o prêmio de melhor do mundo em mais quatro oportunidades – 2013, 2014, 2016 e 2017 – e se estabeleceu como um dos grandes da modalidade em todos os tempos.

Por outro lado, Ronaldo liderou o Real a uma das fases mais vitoriosas de sua rica história. Foi liderado pelo craque que o clube faturou o sonhado décimo título da Liga dos Campeões, em 2013/2014, e repetiu o feito nas últimas três edições – 2015/2016, 2016/2017 e 2017/2018 – ampliando sua hegemonia no continente. A parceria ainda foi responsável por dois títulos espanhóis, dois da Copa do Rei, dois da Supercopa da Espanha, dois da Supercopa da Europa e três do Mundial de Clubes.

Na Juventus, Ronaldo terá o novo desafio esportivo que tanto buscava, com a responsabilidade de tornar a hegemonia nacional do clube em resultados expressivos a nível europeu. Se vem de sete títulos italianos consecutivos, o time de Turim não fatura uma Liga dos Campeões desde 1995/1996 – a outra de sua história aconteceu em 1984/1985.

5 sinais de que Cristiano Ronaldo é o português mais brasileiro que existe

Veja também:
Su Tonani fala sobre assédio de José Mayer e revela por que não fez denúncia formal
feedclub menina cabelo alisado

Menina que teve cabelo alisado recebe ajuda e recupera os cachos

xuxa1-horz

Xuxa perde ação contra Google pela retirada de menções a pedofilia e filme erótico