in

Heroína! Merendeira conseguiu proteger e salvar 50 crianças na escola de Suzano

Escola foi alvo de ataque a tiros que deixou pelo menos dez mortos, na manhã desta quarta-feira (13)

Silmara Cristina Silva de Moraes tem 54 anos e é merendeira na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, na Grande São Paulo. A instituição de ensino foi alvo de um ataque a tiros que deixou pelo menos dez mortos, na manhã desta quarta-feira (13). A funcionária relatou que conseguiu esconder 50 alunos na cozinha da escola.

A ação protegeu a vida dos estudantes, que poderiam ter sido alvejados pelos criminosos. Ela contou que usaram uma mesa como escudo e fizeram uma barricada com a geladeira e o freezer, para se manterem a salvo dentro da cozinha.

“Nós estávamos servindo merenda e aí começou os ‘pipoco’ e as crianças entraram em pânico. Abrimos a cozinha e começamos a colocar o maior número de crianças dentro e fechamos tudo e pedimos para eles deitarem no chão”, contou ela, chorando, em entrevista ao portal G1.

“Foi muito desesperador, porque foi muito tiro, muito tiro mesmo e era muito pânico. […] Parecia que procuravam alguém. Iam para lá e para cá atirando muito. Nós não vimos nada. A gente abaixou e ficou escutando o movimento. Isso durou te 10 a 15 minutos mais ou menos”, diz.

A merendeira explica que, quando já tinha cerca de 50 alunos na cozinha, foi preciso trancar a porta. “Porque eles estavam próximos e a cozinha é rodeada de janela. A gente deitou no chão e nós não vimos nada com medo que atirassem. Mas graças a Deus nada aconteceu com quem não estava lá. Eu arrastei a geladeira e o freezer para fazer uma barricada e ficamos atrás. A mesa viramos e fizemos um escudo para proteger as crianças. Ficamos acuados em um canto só, se acontecesse alguma coisa ele ia pegar muita gente”, conta.

Polícia apura se atiradores de Suzano planejaram crime em fórum de games

Veja também:
Anos depois, Fani Pacheco revela quanto dinheiro ganhava após o BBB
Comente com o Facebook
neymar

Neymar sai em defesa de Bruna Marquezine em postagem no Instagram

paula

BBB 19: polícia vai esperar Paula sair da casa antes de intimá-la a depor