in ,

Ex-assessora acusa Phellipe Haagensen de ameaçá-la de morte

Luana Safire, que procurou a polícia para registrar boletim de ocorrência, diz que o ator se enfureceu após ser expulso de ‘A Fazenda 11’ e ser repreendido por ela

Após ter sido expulso de ‘A Fazenda 11‘ por beijar Hariany Almeida contra sua vontade, o ator Phellipe Haagensen continua envolvido em em polêmicas aqui fora. Agora, sua ex-assessora de imprensa procurou uma delegacia e registrou um boletim de ocorrência contra ele. Ela alega estar recebendo ameaças de morte após apoiar Hariany na história.

Veja também:
Phellipe Haagensen é alvo de inquérito e polícia entra em A Fazenda 11

“Quando ele viu que eu apoiei a Hariany, se transformou. Depois que saímos da Record, eu o acompanhei até à delegacia para ele depor, pois tiveram mais de 7 mil denúncias contra ele [do público]. De volta ao hotel, ele disse que deu um beijo na Hariany para não dar um tapa. Aí eu falei: ‘então você daria um tapa na menina?’ Isso me incomodou”, contou a assessora, Luana Safire, ao portal ‘Uol’.

Luana Safire diz que pediu demissão e que passou a receber ameaças de morte pelo WhatsApp. De acordo com ela, Phellipe Haagensen também ameaça cometer suicídio após matá-la.

“Tento conversar para ele ir ao psiquiatra, mas em todo momento ele faz ameaça de morte. Ele diz que está com pistola, fuzil, diz: ‘Eu vou me matar, mas vou te matar primeiro’. Estou sendo ameaçada porque defendia a Hariany e porque sou contra o que ele faz com as mulheres”, diz ela.

Veja também:
Phellipe Haagensen é expulso de 'A Fazenda 11' após beijar Hariany sem consentimento dela

Além das ameaças, Luana Safire também registrou queixa por injúria racial. Ela revela que teve um rápido relacionamento amoroso com Phellipe Haagensen, em 2018, que durou 3 meses.

“Ele me chama de verme, filha da p**a, diz que eu fico tentando manipular ele. São falas machistas, de quem não aceita que a mulher esteja no comando. Ele me xingou de vaca preta, diz que preta é suja e que ele não fica com mulheres pretas porque elas são iguais a mim. Quero dar entrada contra ele nas esferas civil, criminal e trabalhista. Por mim ele pode ser preso”, afirma, ainda ao ‘Uol’.

Ela completa: “O mais difícil é ver ele contar mentiras como se eu estivesse atrás dele por uma questão amorosa. A questão da injúria racial não me feriu diretamente porque o fato de eu ser negra não me diminui, mas me preocupa porque outras mulheres podem escutar a mesma coisa e não ter o emocional tão blindado quanto eu. Tenho um pouco de medo por não saber se ele está com outras pessoas. Ele fala, ‘nós vamos te pegar’. O ‘nós’ me preocupa. Mas dele eu não tenho medo”.

Luana afirma, também, que já havia denunciado Phellipe em setembro, antes da entrada em ‘A Fazenda 11’, por ter invadido e destruído seu apartamento.

“Falei para ele terminar todos os relacionamentos com as mulheres que ele tinha aqui fora antes de entrar no programa. E disse que eu não queria mais trabalhar com ele porque o que ele faz com as mulheres não é legal. Ele invadiu o meu apartamento, quebrou cadeira, arrombou porta. Aquela pessoa agressiva eu nunca tinha visto. Achei que ele não estava bem psicologicamente para entrar no programa”, revela.

A versão de Phellipe Haagensen

O portal ‘Uol’ também procurou Phellipe Haagensen para comentar as acusações. Ele se limitou a dizer que “cada um tem a sua versão” e tentou insinuar que Luana estaria inventando tudo.

“Quem tem que falar sobre isso são os meus advogados. Não tenho nada para falar. Quando se trata de acusações, cada um tem a sua versão. As pessoas inventam, criam coisas, acusam pessoas. Tem um monte de gente presa sem ter cometido crime nenhum”, disse o ator.

Veja também:
Expulso d'A Fazenda, Phellipe Haagensen já foi acusado de agressão por ex-mulher

Comente com o Facebook
bebê em coma

Incrível! Bebê passa 7 meses em coma e acorda sorrindo para o pai; veja