in ,

Regina Casé diz ter sofrido preconceito em loja nos Estados Unidos

‘Como eu tô muito atenta e sei que isso acontece diariamente com os negros, eu ouço, presto atenção’, afirmou a atriz

A atriz Regina Casé falou sobre uma situação em que afirma ter sofrido preconceito em uma loja nos Estados Unidos em entrevista ao ‘Conversa com Bial’, da Globo, na última quinta-feira (25).

Na ocasião, segundo Regina Casé, ao entrar na loja, a gerente teria chamado um segurança para “ficar de olho nela”: “Como eu tô muito atenta e sei que isso acontece diariamente com os negros, eu ouço, presto atenção em como ela fala, presto atenção em como, quando eu tô andando, o segurança tá de olho em mim e no Estevão [seu marido]. Talvez eu esteja mais atenta. É como se eu tivesse uma lente de aumento” .

“Acho que pra milhares de pessoas, principalmente pessoas que tão acostumadas, mesmo sendo da minha cor, a acreditarem que são brancas, [porque] no Brasil são brancas, a pessoa tá ali, ouve aquilo e fala: ‘Isso não é comigo. Eu tenho grana, e no Brasil, mesmo com essa cor, eu sou branca'”, continuou sobre o tema.

Globo e Regina Casé são processadas em R$ 4 milhões por entrevistarem menino

Recomendamos para você

Deixe seu comentário

‘Amo minhas filhas, mas não amo tanto ser mãe’, diz Samara Felippo

carrefour ana paula padrão

Operada, Ana Paula Padrão fica fora do ‘MasterChef’ – e público prefere assim