in ,

Ex-ator mirim baleado caça confusões no trânsito para postar no YouTube

De aceleradas arriscadas a conflitos no trânsito, o jovem de 25 anos gosta de chocar na internet

Fotos: Reprodução/Redes Sociais

Guillermo Hundadze, youtuber 25 anos e ex-ator mirim da TV Globo, se encontra na UTI do Hospital do Mandaqui após ser atingido por um tiro em uma confusão de trânsito com um policial militar.

Segundo informações da Secretaria da Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP), o jovem teria saído do carro portando uma arma. O policial, então, reagiu atirando em Guillermo.

Entretanto, este é apenas o mais recente de uma série de episódios polêmicos envolvendo o influenciador.

No canal ‘Gui50’, que conta com aproximadamente 730 mil inscritos no YouTube, Hundadze costuma publicar vídeos em que mostra atingindo altas velocidades em carros e motocicletas em vias públicas.

Ele também compartilha conteúdo onde parece “forçar” motoristas mais lentos na pista da esquerda para aumentar a velocidade.

Se não andar, eu empurro“, afirma o polêmico youtuber em um de seus vídeos mais recentes.

Utilizando uma lanterna que ele descreve como “a mais forte do mundo”, Hundadze foca a luz em veículos durante a noite para pressioná-los a abrir o caminho.

Ex-ator mirim gosta de provocar

Em um post de dezembro do ano anterior, Guillermo foi visto discutindo com um motorista em uma rodovia de São Paulo.

O youtuber sai do veículo e utiliza o que parece ser spray de pimenta contra o outro condutor, que saca um estilete na situação.

Após o incidente em que foi baleado, Guillermo precisou ser internado. Contudo, o estado de saúde atual do youtuber ainda não foi divulgado.

Veja também:
Relembre a famosa matéria em que Ana Maria Braga foi a uma praia de nudismo
Guillermo Hundadze
Foto: Reprodução/YouTube

Polêmicas de Guillermo Hundadze

Em junho de 2021, Hundadze foi objeto de outra reportagem, desta vez no ‘UOL Carros’. O influenciador digital usou um carro de test-drive da Volvo para acelerar a 250 km/h na rodovia Régis Bittencourt.

Em um vídeo distinto, ele manobra a 130 km/h na Marginal Tietê, quase causando acidentes na capital paulista. Lembrando que o limite de velocidade no local é de 70 km/h para veículos leves.

A Volvo, por sua vez, divulgou uma nota declarando que estava ciente dos vídeos e lamentava o uso do carro “nessas condições”. A empresa ressaltou que tomaria as medidas possíveis“.

Anteriormente, em 2020, o comportamento errante de Guillermo já tinha sido objeto de matéria na ‘TV Globo’ – emissora onde trabalhou.

Além disso, vídeos do youtuber mostram ele passando com uma moto em frente à casa do então governador João Doria (PSDB), criticando o político devido às medidas de quarentena na pandemia do coronavírus.

“Ele [Doria] não me deixa trabalhar. Tira minhas noites de sono e eu tiro a dele. Votei no Doria como muita gente, posso falar”, diz Guillermo no vídeo.

Ele continuou gritando com as janelas abertas: “Vai trabalhar, Doria! Vai se ferrar, seu jumento!

Outro vídeo mostra Hundadze pilotando uma moto MT-09 a quase 140 km/h em ruas estreitas de Santana, na Zona Norte da capital paulista. No entanto, ele alega que a filmagem não foi feita em território brasileiro.

Veja também:
Após ser traída, mulher vira detetive e já desmascarou mais de 400 homens

Veja um dos vídeos:

Guillermo Hundadze, ex-ator mirim, é baleado por PM em discussão de trânsito

Em Destaque

Recomendamos para você

Deixe seu comentário

ornitorrinco

Mulher acaba internada após envenenamento raríssimo… por ornitorrinco

Chuva de dinheiro - bilionário

Bilionário faz ‘chover dinheiro’ e joga R$ 5 milhões de helicóptero