in ,

‘Pantanal’: aguardada morte de Levi faz o Brasil ‘parar’ e público comemora na internet

Fim violento e trágico do personagem de Leandro Lima foi um dos assuntos mais comentados na noite de segunda-feira (13)

Foto: Reprodução/GloboPlay

Os telespectadores da novela ‘Pantanal‘, da TV Globo, assistiram na noite desta segunda-feira (13) a aguardadíssima cena da morte de Levi, interpretado por Leandro Lima, que foi comido por piranhas.

  • Alexa com mais de R$ 100 de desconto!!! Com opção de FRETE GRÁTIS!!! E a melhor parte: experimente por 30 dias e DEVOLVA se não curtir o produto! Confira clicando aqui.

Após sequestrar Muda (Bella Campos), Levi levou um tiro de Juma (Alanis Guillen) e fugiu sozinho até ser encurralo por Tibério (Guito).

Foi quando o vilão tentou fugir de barco, mas caiu no rio e foi terrivelmente morto em um ataque de piranhas, atraídas pelo sangue de Levi que já estava ferido.

Veja também:
Filho de Leandro Lima, o Levi de 'Pantanal', nasce dentro do carro: 'filme de ação'

A cena foi bastante elogiada pelo público e se tornou um dos assuntos mais comentados das redes sociais. A maioria das pessoas comemorou o fim trágico do vilão, que fez várias atrocidades na trama e merecia esse sofrimento, segundo os telespectadores.

Vai para o inferno!“, disse um internauta ao assistir a morte de Levi. “Vai para os quintos dos infernos, Levi. Até nunca mais”, comentou outra pessoa.

Teve quem elogiasse a atuação de Leandro Lima, que conseguiu fazer o público odiar o personagem dele em ‘Pantanal’.

“Aplausos de pé para o Leandro Lima, que fez todo mundo torcer por uma morte. O cara provou ser um excelente ator com a trajetória do Levi”, afirmou um telespectador.

“Que arda no inferno esse traste do Levi”, declarou mais uma pessoa. “Que cena! E assim foi o final do Levi, as piranhas o levaram essa alma para o inferno“, disse outro no Twitter.

“Morte do Levi milhões de vezes melhor do que na primeira versão”, opinou mais um internauta. Leandro Lima entregou tudo, odiei o Levi com força!!”, afirmou uma mulher nas redes sociais.

Confira a cena da morte de Levi na primeira versão de ‘Pantanal’:

Agora veja a mesma cena no remake da novela:

Bastidores da morte de Levi

Ricardo Menezes, produtor de efeitos especiais da TV Globo, falou em entrevista sobre como foi a gravação da cena da morte de Levi, extremamente elogiada nas redes sociais.

Segundo ele, foram utilizados tanques de 3 mil litros de água para os testes em que as imagens parecem ser um ataque de piranhas de verdade.

Veja também:
Pantanal: 'medo de machucar', diz Leandro Lima sobre cenas de sexo

A cenografia da Globo utilizou um equipamento que libera sangue cenográfico, para dar o efeito de que Levi estava sendo comido pelas piranhas.

Foram utilizados 5 litros do líquido que imita sangue humano. “Quando começa a cena, o sistema de ar é aberto, em que vai gerando as bolhas e injetando o sangue. Quando começa a borbulhar, o sangue já vai saindo junto”, contou Ricardo em entrevista ao ‘Gshow’.

Para a produção dessa cena, foi necessária a participação de mais de 40 pessoas, inclusive de um dublê. Foram 4 horas de gravação e, no final, o trabalho árduo da equipe foi aplaudido por todos.

“Lá, trabalhamos com mergulhador, salva-vidas e toda uma equipe, porque é uma área de água funda. Na pós-edição, eles recortam a área onde estava a ação dele e encaixam isso dentro de um plano na base real, gravada no Pantanal. Para parecer real mesmo“, afirmou o produtor de efeitos especiais da emissora.

Levi - morre em Pantanal
Foto: Reprodução/GloboPlay

É possível morrer por ataque de piranhas?

O remake da novela ‘Pantanal’, de Benedito Ruy Barbosa, que foi exibida pela primeira vez em 1990 pela TV Manchete, caiu no gosto do público. A cena de Levi sendo devorado por piranhas foi uma das mais marcantes até o momento.

Veja também:
Pantanal: encontro entre as Jumas movimenta web e emociona telespectadores

Quem acompanha o folhetim desde o início sabe que o vilão não foi o primeiro personagem a morrer assim. Lúcio (Erom Cordeiro) também foi vítima das piranhas. Os dois estavam sangrando, o que chamou os peixes para o ataque.

Muitos foram os elogios à veracidade que a cena passou em seu resultado final, mas muita gente também se questionou se as piranhas realmente comem uma pessoa na vida real, como aconteceu com os personagens.

Especialistas afirmam que já ocorreram casos em que corpos humanos foram encontrados mutilados por piranhas, mas é bastante raro acontecer de pessoas saudáveis serem devoradas por esses animais.

Segundo informações do portal ‘Uol’, “as piranhas são mais ‘carniceiras’ do que caçadoras. Isso significa que seus ataques contra pessoas são mais raros do que com carnes que já estão mortas”.

As piranhas, portanto, costumam se alimentar mais da carne de animais que elas encontram já sem vida, como outros peixes, aves feridas e até mesmo sucuris.

Realmente é possível uma pessoa ser atacada por piranhas, mas morrer nesse ataque como aconteceu na novela é um tanto quanto improvável. Além de que as piranhas comem vísceras humanas apenas se estiverem com muita fome, dizem os especialistas.

Veja também:
Deborah Secco pede desculpas por ter ficado com homens casados: 'eu era piranha'

Para piranhas devorarem um homem do porte de Levi, por exemplo, seria preciso mais de cem piranhas famintas. No entanto, esses peixes costumam andar em pequenos cardumes, formados por cerca de vinte delas.

Logo, fica claro que a TV Globo usou de sua licença poética no fim de Levi em meio aos mistérios do ‘Pantanal’ retratado na trama.

Levi - morte
Foto: Reprodução/GloboPlay

Acompanhe algumas reações do público:

  • Alexa com mais de R$ 100 de desconto!!! Com opção de FRETE GRÁTIS!!! E a melhor parte: experimente por 30 dias e DEVOLVA se não curtir o produto! Confira clicando aqui.

Filho de Leandro Lima, o Levi de ‘Pantanal’, nasce dentro do carro: ‘filme de ação’

Recomendamos para você

Deixe seu comentário

camisas de time Influencer - camisa Galo

Jovem mancha camisas raras do time do namorado e é detonada: ‘pensei que saía’

Elefante - foto

Elefante que matou idosa invade o funeral para pisotear o corpo dela novamente