in

Explosão de carta-bomba em escritório do FMI em Paris deixa mulher ferida

Segundo presidente, vítima que abriu envelope está entre a vida e a morte

O presidente da França, François Hollande, classificou episódio como atentado (Foto: José Cruz/ Agência Brasil)

Nesta quinta-feira (16), uma mulher ficou gravemente ferida ao abrir uma carta-bomba que explodiu em um escritório do Fundo Monetário Internacional (FMI), em Paris. Segundo informações da polícia local, a vítima, uma assistente da direção da organização, teve queimaduras nas mãos e no rosto pelo explosivo caseiro. Anteriormente, a polícia havia dito que ela havia sofrido apenas ferimentos leves, mas o governo rechaçou a informação e confirmou que agora ela está entre a vida e a morte. De acordo com o presidente francês, François Hollande, o episódio é tratado como atentado, e o país acionou o seu alerta de terrorismo.

O presidente da França, François Hollande, classificou episódio como atentado (Foto: José Cruz/ Agência Brasil)

O presidente da França, François Hollande, classificou episódio como atentado (Foto: José Cruz/ Agência Brasil)

Por volta das 8h30, através do Twitter, o departamento de polícia de Paris anunciou o andamento de uma operação nos escritórios do FMI e do Banco Mundial, que foram esvaziados. O procedimento durou uma hora e uma nova postagem foi feita na rede social: “Fim do procedimento. A pessoa ferida foi levado ao hospital para receber tratamento. Investigação em curso pela polícia judiciária”.

Cerca de 150 pessoas estavam no edifício no momento do atentado, que não sofreu danos estruturais. Segundo relatos, os estilhaços chegaram ao teto.

O prédio está localizado entre o Arco do Triunfo e a Torre Eiffel, dois marcos da capital francesa. — É um atentado. Não há outra palavra — disse Hollande. — Devemos buscar todas as causa e encontrar os culpados. Nós o faremos com obstinação e perseverança até o fim.

Veja também:
Xuxa conta que ela e Ivete Sangalo brigaram e ficaram meses sem se falar

Veja as postagens no twitter da polícia francesa:

Recomendamos para você

Deixe seu comentário

Fenômeno raro e nunca registrado no Brasil é visto no céu da Paraíba; veja vídeo

Chinês desenvolve técnica para suportar chutes violentos na virilha