in ,

Felipe Neto é diagnosticado com doença séria no sangue

Youtuber ironizou o fato de já conviver com outras doenças: depressão, doença de crohn e TDAH

Foto: reprodução / Instagram

Na última sexta-feira (18), Felipe Neto compartilhou com seus seguidores no Twitter que foi diagnosticado com uma doença chamada hemocromatose incompleta heterozigótica. Ele mesmo explicou rapidamente o que isso significa e disse que não é motivo para “drama”.

O youtuber de 33 anos, conhecido pelas declarações polêmicas nas redes sociais, iniciou o post citando outras doenças que possui e brincou com o fato de ter vários problemas de saúde.

Não bastava depressão, doença de crohn e TDAH… Recentemente eu fui diagnosticado com hemocromatose incompleta heterozigótica. É uma mutação genética q resulta em alta concentração de ferro no meu sangue e pode trazer problemas. Quando Deus me desenhou, ele tava de mau humor”, tuitou Felipe Neto.

Veja também:
Virgínia Fonseca e Zé Felipe tomam vacinas e são acusados de furarem fila da CoronaVac

Doença de crohn citada pelo youtuber é uma doença inflamatória séria do trato gastrointestinal que não tem cura.

Algumas pessoas passam a maior parte da vida sem desenvolver sintomas, outras sofrem com graves sintomas, como: dor abdominal, diarreia, perda de peso, anemia e fadiga.

TDAH é o Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade, que começa na infância e pode persistir até a fase adulta gerando dificuldade de atenção, hiperatividade e impulsividade.

Mas e essa nova doença descoberta por Felipe Neto há pouco tempo? A hemocromatose incompleta heterozigótica é uma doença séria e incurável, mas no caso do youtuber, a situação está sob controle, conforme ele mesmo disse.

Não fiquem preocupados, o médico me informou q minha forma da doença é ‘incompleta’, o q significa q resulta em alta concentração de ferro (ferritina), mas não a ponto de ser um drama. Vamos monitorar a vida inteira e manter dentro de um número ‘seguro'”, escreveu Felipe, que contou mais sobre o caso.

“Eu descobri a mutação genética no final de 2020, desde então venho tratando com meu médico e progredimos bem. Em janeiro, minha ferritina estava em 642,9 ng/mL. O valor saudável é entre 30 e 400. Mas fomos reduzindo e no exame de semana passada bateu 455,7″.

Médicas explicam a hemocromatose incompleta heterozigótica

De acordo com Andresa Melo, hematologista do Hospital Brasília, em entrevista ao ‘Correio Braziliense’, a doença de Felipe Neto é caracterizada pelo excesso de ferro no sangue e o principal problema é que esse ferro pode se acumular nos órgãos e gerar problemas futuros.

“Ela (a hemocromatose) pode ser a primária hereditária e a secundária, que foi adquirida por por transfusão de sangue“, disse a especialista. A hemocromatose é uma doença comum e muitas pessoas não desenvolvem sintomas.

“Na verdade, essa doença vive décadas sem sintomas, e a gente consegue ver por exames de sangue específicos. Sintomas mesmo o paciente vai ter após décadas de vida, quando o ferro começa a se depositar nos órgão como coração ou fígado, aí podemos ter idosos com cirrose sem ter nunca tomado álcool, por exemplo”, afirma a doutora Andresa.

Sobre o tratamento, a hematologista explica: “As pessoas que têm essa sobrecarga (de ferro) são acompanhadas pelo hematologista, um tratamento possível é a sangria, que é igual a uma doação de sangue, porém esse sangue (com acúmulo de ferro) será descartado, eventualmente o ferro vai diminuir“.

Ela ainda alerta as pessoas da importância de realizar exames de sangue com frequência. “É importante lembrar que o exame de ferritina é fundamental, mas é específico para pacientes que têm alterações metabólicas. Então, antes de fazer sangria, é muito importante consultar um especialista”, afirmou a médica ao ‘Correio Brasiliense’.

A hematologista e professora do Centro Universitário Unieuro, Amanda Bruder, explicou o que significam os termos ‘incompleto’ e ‘heterozigótico’, citados por Felipe Neto.

“O incompleto indica que é um problema menos grave, o heterozigótico indica que o fator genético (da doença) veio do pai ou da mãe, não dos dois, como nos casos completos. Na prática, a gente nem considera um quadro literal de hemocromatose, afirmou ela.

Confira os posts de Felipe Neto contando sobre o diagnóstico no Twitter:

Felipe Neto dá uma de Silvio Santos e distribui prêmios de R$ 500 no Twitter

Recomendamos para você

Deixe seu comentário

Deputada Magda Mofatto pega fuzil e decide ‘caçar’ Lázaro de helicóptero

Bruna Marquezine posta suposta ‘simpatia de casamento’ e movimenta a web