in , ,

Humorista do SBT faz piadas com tragédia da Chapecoense e causa polêmica

Um repórter da Globo manifestou indignação com a situação e pediu respeito aos enlutados

Algumas pessoas acreditam que não existem limites para o humor e, por esse motivo, situações infelizes acabam acontecendo. Recentemente, esse foi o caso do humorista Léo Lins, do programa ‘The Noite’, do SBT. Ele gerou polêmica e repercussão após algumas piadas consideradas de mau gosto.

Em um show de stand-up, o humorista tentou fazer piada com dois assuntos bastante delicados: o assassinato do jogador Daniel, ocorrido em 2018, e a tragédia com o voo da Chapecoense, que deixou 71 mortos em novembro de 2016.

“Pelo menos ele morreu depois de comer coisa boa. Não foi como os jogadores da Chapecoense, que era comida de avião”, compara Léo Lins. O show está disponível em seu canal do YouTube, em um vídeo publicado em novembro do ano passado.

Em um outro vídeo, mais recente e publicado na última terça-feira (5), ele volta a brincar com o assunto e diz que um pão que cai no chão é conhecido como “Pão Na Chape”. As brincadeiras repercutiram na web e revoltaram internautas, além dos enlutados parentes das vítimas do acidente.

Outra pessoa que ficou bastante irritada foi o repórter Pedro Rocha, da TV Globo. Ele cobre a Chapecoense há dois anos para a emissora e acompanha de perto a reconstrução do time catarinense após o acidente aéreo.

Ele publicou uma série de vídeos em sua conta no Instagram para criticar os posicionamentos do humorista. Ele lembrou que, apesar de já ter se passado quase dois anos, a cidade de Chapecó ainda se mantém de luto pela tragédia.

Veja também:
Mamma Bruschetta pede desculpas após ser acusada de transfobia

“É muito louco como algumas pessoas têm a presunção de achar que algumas coisas são engraçadas só por serem absurdas. Não! Definitivamente, não é engraçado, cara! Chapecó é uma cidade que sofre até hoje com esse acidente”, disse ele.

“As 71 vítimas que se foram na maior tragédia aérea do esporte mundial não são piada. É história, é dor, é buraco no peito das famílias de uma cidade e de todo mundo que se comoveu com a tragédia, em novembro de 2016. Léo Lins, isso aqui é história, não é piada”, continuou.

Veja:

View this post on Instagram

Sempre achei chata essa discussão sobre “os limites do humor”, mas hoje quando vi um humorista fazer diversas piadas com a tragédia de Medellin, uma dor tão presente no dia a dia aqui de Chapecó, do mundo do futebol e do jornalismo, meu dia acabou. A última delas foi dizer que o “Pāo que cai, é chamado de Pāo da Chape”, uma piada sobretudo sem graça nenhuma. @leolins, você é um cara inteligente. Deve saber que brincar com a dor de um filho que perdeu o pai, de uma esposa que ficou sem seu marido é de, no mínimo, uma insensibilidade gigantesca. Piada é uma coisa, HISTÓRIA é outra. Falo isso como um jornalista que perdeu amigos e principalmente: um cara que vive em Chapecó e convive diariamente com esse eterno luto.

A post shared by Pedro Rocha (@novaesrocha) on

Alguns familiares das vítimas do acidente usaram a caixa de comentários para concordar com Pedro Rocha e manifestarem suas indignações com as piadas de Léo Lins.

“Eu perdi meu pai no voo da Chape e não achei nada engraçado. Se você consegue encontrar alguma graça nisso, você é uma pessoa ‘irrecuperável'”, disse Thalisson Araújo, filho do repórter cinematográfico Ari Jr., que morreu no acidente.

“Que triste isso! Onde está o respeito pelo próximo? Você não deve ter noção do que é viver sem o seu marido e sem o pai da sua filha”, comentou Susi Ribas, viúva do zagueiro Willian Thiego.

Bárbara Calazans, viúva do atacante Ananias, republicou a resposta de Pedro Rocha e questionou o humorista do SBT: “Inacreditável! Léo Lins, onde está a graça?”.

Clayson, do Corinthians, se irrita e joga água em torcedora da Chapecoense; assista

Comente com o Facebook
feedclub mariana goldfarb

Mariana Goldfarb relembra anorexia: ‘só agora tô voltando a menstruar’

justin bieber

Justin e Hailey Bieber revelam que só ‘dormiram juntos’ após o casamento