in ,

Mãe em coma sentiu que filha tinha morrido em atentado no show de Ariana Grande

Saffie Rousso foi uma das vítimas do atentado terrorista no show da cantora Ariana Grande, em Manchester, no último dia 22 de maio. A garotinha de apenas 8 anos foi a mais nova das 22 vítimas que morreram no evento.

A mãe de Saffie, na época, estava em um coma e acordou recentemente. O pai da menina contou, em entrevista à BBC, que a esposa soube que a filha tinha morrido antes mesmo de ser avisada por alguém.

O medo do homem era sobre como a mulher reagiria com a notícia, sendo avisada dias depois, enquanto o mundo todo estava em luto por ela. Entretanto, surpreendentemente Lisa sentiu em seu coração que algo tinha acontecido à filha, no minuto em que acordou.

“Ela olhou pra mim e me disse: ‘Saffie se foi, não é?'”, ele contou. “Eu simplesmente olhei para ela e respondi ‘sim’. E ela: ‘eu sabia'”.

Saffie tinha ganhado os ingressos para o show no Natal e não via a hora da data finalmente chegar. Ela estava com a mãe quando a bomba explodiu.

O pai da menina contou, ainda, que conheceu Ariana Grande na véspera do show realizado em prol das vítimas do atentado. “Eu queria dizer a ela o quanto ela significava para Saffie. Tudo que ela pôde me dizer foi ‘sinto muito’ e eu respondi: ‘você não tem nada pelo que sentir muito, você fez Saffie muito feliz com sua música’. Ela me agradeceu”.

Hoje, 04 de julho, seria o aniversário de 9 anos da jovem vítima.

 

Veja também:
Briga entre famílias termina em pancadaria generalizada em parque da Disney

Recomendamos para você

Deixe seu comentário

Stevie Ryan, youtuber famosa por imitar celebridades, comete suicídio

Whindersson Nunes defende atitude polêmica da ex-BBB Emilly em show