in ,

Padrasto agride menino durante aula online e professores assistem tudo

O homem foi visto agindo violentamente com menino de 13 anos em Erechim, no Rio Grande do Sul

Uma situação de violência familiar aconteceu durante uma aula online no início da última semana e acabou se espalhando nas redes sociais. No vídeo, o homem agride um menino de 13 anos – tanto física quanto verbalmente. 

fato lamentável aconteceu durante uma videoaula de uma escola privada da cidade de Erechim, no Rio Grande do Sul – a 5 horas de Porto Alegre.

O agressor é o padrasto do menino, que foi flagrado arrancando os fones do ouvido dele e o puxando violentamente.

Veja também:
Ex de Tom Veiga quebra o silêncio sobre acusações de agressão

Minutos depois, ele puxa com muita força os cabelos do enteado e ele sai da frente do computador. Depois, volta para a aula chorando.

Ao presenciarem virtualmente a cena, funcionários da escola enviaram a gravação da aula ao Conselho Tutelar da cidade.

“Recebemos um e-mail, com três vídeos, onde a escola relatava o acontecido e solicitava apuração junto à família desse menor. A escola também avisou à mãe, que foi orientada a comparecer ao conselho”, disse o conselheiro tutelar Ademir da Rosa, que notificou o Ministério Público sobre o caso.

A mãe do adolescente disse que estava em outro cômodo da casa cuidando do filho mais novo quando tudo aconteceu.

Ela disse que chegou a ouvir gritos, mas quando chegou ao local já “estava tudo calmo”. O Conselho Tutelar a orientou a registrar um Boletim de Ocorrência contra o companheiro.

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada no Apoio à Mulher e Vulneráveis (DEAM), investiga o caso.

“O Ministério Público está investigando de forma aprofundada os fatos, tanto na seara da infância e da juventude, buscando tutelar os direitos do adolescente vítima, tanto na seara criminal, acompanhando a apuração dos fatos visando a responsabilização do agressor no âmbito criminal“, explicou o MP em entrevista ao portal ‘G1’.

As autoridades orientam as pessoas a não compartilharem o vídeo, para preservar o garoto, que foi encaminhado para receber atendimento psicológico oferecido gratuitamente pelo município.

Mãe de Isabella Nardoni se solidariza com pai de Henry por similaridade dos casos

Comente com o Facebook
a vida da gente

‘A Vida da Gente’: quando Ana vai acordar do coma na novela?

john travolta

John Travolta relembra a emoção do momento em que dançou com a Princesa Diana