in , ,

Após foto com Bolsonaro, Diego Hypólito é substituído em campanha publicitária

Marca havia anunciado o ginasta como garoto-propaganda, meses depois de ele ter assumido homossexualidade

O ginasta Diego Hypólito se meteu em uma baita confusão na semana passada e pode estar sofrendo as consequências no bolso. Uma marca que o havia contratado como garoto-propaganda acaba de lançar uma nova campanha, com a drag queen Dora Escher como protagonista.

Tudo começou quando o esportista publicou uma fotografia ao lado do presidente Jair Bolsonaro. Tendo assumido sua homossexualidade em 2019, Diego foi amplamente criticado pela comunidade LGBT, que é contrária aos posicionamentos do atual governante do Brasil.

Na ocasião, Diego ainda tentou se defender e escreveu: “Não sou de esquerda nem de direita. Sou de Deus. Sou cheio de erros e defeitos e estou muito preocupado com o esporte no Brasil. Em minha vida, serei muito julgado, eu sei, mas devemos viver e tentar ajudar mais pessoas”.

A marca de lubrificantes KY, cujo principal público alvo é a população LGBT, também foi amplamente atacada pela contratação de Diego e a empresa pode ter ouvido as críticas.

Com o lançamento da nova campanha, a companhia garante que a mudança não foi orientada pela polêmica. “Diego foi apenas um dos garotos da nossa campanha. A gente te convida a acompanhar os próximos capítulos em que continuaremos a contar histórias”, escreveu a marca em suas contas oficiais nas redes sociais.

Diego Hypolito se assume gay e diz que não revelou antes por medo

Comente com o Facebook
rapadura

Rapadura, humorista do SBT, morre após complicações de uma cirurgia