in ,

Atirador do Texas postou foto das armas dias antes e enviou mensagens bizarras

Salvador Ramos invadiu uma escola primária e matou 19 crianças e 2 professores; ele também atirou na avó

Fotos: Reprodução/Instagram

Novas informações sobre o massacre em uma escola de educação infantil do Texas estão sendo divulgadas pela imprensa internacional.

  • Que tal controlar sua TV com um único dispositivo supermoderno, controlado por voz, em alta qualidade de imagem e com auxílio da Alexa? E a melhor parte: experimente por 30 dias e DEVOLVA se não curtir o produto! Confira clicando aqui.

Salvador Ramos, o jovem de 18 anos que matou 19 crianças e 2 professores da Robb Elementary School, localizada em Uvalde (Texas), postou uma foto de dois fuzis do estilo AR-15 três dias antes do massacre.

Amigos e conhecidos de Salvador confirmaram que o perfil do Instagram era do suposto atirador que tirou a vida de 21 pessoas na última terça-feira (24) nos Estados Unidos.

Veja também:
Tragédia: jovem atirador mata 19 crianças e dois professores em escola

Segundo a polícia, Salvador Ramos atirou contra a própria avó antes de entrar no carro e ir até a escola. Ela foi resgatada ainda com vida e levada a um hospital em San Antonio, em estado grave.

Quando estava chegando à escola, o atirador chegou a sofrer um acidente de trânsito, mas continuou o plano e conseguiu entrar na instituição para assassinar dezenas de crianças de 7 a 10 anos de idade.

O suspeito caiu em uma vala perto da escola, disse o sargento do Departamento de Segurança Pública do Texas, Erick Estrada.

“Foi aí que ele saiu de seu veículo com um rifle e tentou entrar na escola, mas foi confrontado por forças de segurança. Infelizmente, ele conseguiu entrar no local e, a partir daí, entrou em várias salas de aula e começou a disparar“, acrescentou o sargento.

Veja a foto do fuzis publicada por Salvador Ramos no Instagram dias antes do massacre:

Story - Salvador Ramos
Foto: Reprodução/Instagram

Um jovem da mesma idade de Salvador Ramos – que preferiu não ser identificado – revelou que era um amigo “pouco próximo” de Ramos e que conversava com ele ocasionalmente para jogarem Xbox juntos.

Dias antes do ataque à escola, o atirador enviou fotos de uma arma e de uma mochila cheia de munições ao amigo, que questionou porque ele tinha aquilo.

“Ele me mandava mensagens aqui e ali, e quatro dias atrás ele me enviou uma foto do AR que ele estava usando… e uma mochila cheia de balas, provavelmente sete cartuchos“, disse o jovem.

“Eu fiquei tipo, ‘mano, por que você tem isso?‘ e ele disse: ‘Não se preocupe com isso‘”, contou o amigo, que ainda revelou o conteúdo de outra mensagem enviado pelo atirador.

“Ele depois me enviou uma mensagem: ‘Estou muito diferente agora. Você não me reconheceria’“. 

Ainda de acordo com o colega, Salvador Ramos era vítima de zoações e brincadeiras de outros jovens pelas roupas que usava e pela situação financeira de sua família.

Tudo isso teria o levado a quase não frequentar mais as aulas. “Ele, tipo, não ia para a escola… e tipo, lentamente desistiu”, disse o colega. “Ele mal veio para a escola”.  

Dias antes do ataque, Salvador marcou uma menina que ele não conhecia na foto dos fuzis no Instagram. Na ocasião, ele disse que se ela respondesse dentro de uma hora ele lhe contaria um segredo.

Ela chegou a perguntar:O que suas armas têm a ver comigo?“. O atirador, então, respondeu: “Sinta-se grata por eu ter marcado você”.

A jovem não gostou da interação sem sentido e disse: Não, isso só me assusta. Eu mal conheço você e você me marca em uma foto com algumas armas”, concluiu a conversa naquele dia.

Veja uma captura de tela da conversa da menina com o atirador:

Conversa com atirador
Foto: Reprodução/Instagram

Depois do massacre – que foi amplamente noticiado nos Estados Unidos e no mundo – a jovem ligou os pontos e percebeu que o rapaz que postou a foto das armas foi quem cometeu a atrocidade na escola do Texas.

“A única razão pela qual eu respondi a ele foi porque eu estava com medo dele. Eu gostaria de ter ficado acordada para pelo menos tentar convencê-lo a não cometer seu crime. Eu não sabia”, lamentou ela.

O perfil de Salvador Ramos no TikTok tinha apenas 1 vídeo referente ao jogo Subway Surfers – um clássico jogo de corrida sem fim.

O jogador assume a posição de Jake, personagem que surfa nos metrôs e tenta escapar do mal-humorado inspetor e seu cachorro.

Na biografia dele nessa rede social, Salvador deixou a seguinte frase: as crianças ficam com medo na vida real“. 

A motivação do crime chocante ainda não foi esclarecida pela polícia. Muitas pessoas têm feito homenagens às vítimas nas redes sociais.

  • Que tal controlar sua TV com um único dispositivo supermoderno, controlado por voz, em alta qualidade de imagem e com auxílio da Alexa? E a melhor parte: experimente por 30 dias e DEVOLVA se não curtir o produto! Confira clicando aqui.

Tragédia: jovem atirador mata 19 crianças e dois professores em escola

 

Recomendamos para você

Deixe seu comentário

Medicina médica

Médica xinga paciente na internet por procurar pronto-socorro de madrugada

Crime Taquarituba SP pai mata

Pai mata as duas filhas de 5 e 6 anos e passa horas mentindo pra polícia: ‘reféns’