in ,

Professor realiza sonho de aluno cadeirante de pular corda e vídeo viraliza

João Hoffmann é professor de educação física em uma instituição da rede pública no estado de São Paulo

Um professor da cidade de Taubaté, estado de São Paulo, tomou uma atitude simples que está emocionando os brasileiros por todo o país. Um vídeo registrou um ato de amor do educador, que realizou o sonho de Heitor, um aluno cadeirante de 7 anos de idade: o de pular corda.

João Hoffmann é professor de educação física em uma instituição da rede pública do município e nem pensou duas vezes quando ouviu o pedido da criança. Ele pegou o estudante no colo e pulou corda com ele. As imagens foram gravadas no último dia 31 de outubro e viralizaram nas redes sociais.

O próprio professor foi quem divulgou o vídeo em sua conta do Facebook. Assista:

O educador contou, em entrevista ao portal ‘G1’, que a aula daquele dia foi reservada para os alunos curtirem o tempo livre e brincassem.

“Tento sempre trabalhar de maneira que ele possa ser incluído, para a turma também não colocar limitações para ele. É uma criança com deficiência, mas queria que tivesse aquele momento. Foi um gesto simples, mas que eu sei que para ele fez diferença”, disse João.

A situação, por mais simples que possa parecer, tocou profundamente no coração do aluno. A mãe dele, Natália Magalhães, garante que o comportamento do filho modificou completamente desde aquele dia.

“A aula de educação física sempre foi uma aula que não era tão divertida, os professores acabavam deixando para lá porque ele é deficiente e não tinha como incluir. Agora está sendo muito diferente. Os dias preferidos dele são terça e quinta, quando acontecem as aulas de educação física. O trabalho que o João faz é incrível”, disse ela ao ‘G1’.

Veja também:
Preso usa sangue como lubrificante para soltar algemas e fugir de hospital em SC

O vídeo que viralizou não foi um caso isolado: desde que assumiu a turma de Heitor, João Hoffmann tem como objetivo ensinar sobre os valores da inclusão.

“Fiquei apaixonado pelo trabalho com as crianças pelo poder transformador que a educação tem. Me esforço para dar o melhor porque eu sei que meu trabalho pode impactar a vida deles para sempre. Não há preço que pague ver o mundo de uma criança ficar maior”, finalizou o professor.

Comente com o Facebook
sem álcool

Ex-BBB dá festa de luxo totalmente sem álcool e é criticado por Aguinaldo Silva