in ,

Traficantes armados abordam entregador e roubam salgadinhos: ‘cheio de fome’

Caso aconteceu em uma comunidade do Rio de Janeiro e causou revolta até mesmo em outro traficante da área

Fotos: Reprodução/Canva

Um áudio de WhatsApp divulgado na última segunda-feira (22) tem repercutido bastante na internet. Trata-se de um entregador do aplicativo de delivery iFood contando que traficantes armados o abordaram e roubaram o cento de salgadinhos e a Coca-Cola que ele tinha ido entregar.

  • Se não gostar da Alexa, a Amazon devolve seu dinheiro! Experimente por 30 dias de controle por voz total em sua casa inteligente. Clique aqui e garanta.

No áudio, o motoboy avisa os colegas de profissão para que não façam entregas de comida no morro da Caixa D’água, na Zona Norte do Rio de Janeiro, pois traficantes tinham levado os salgadinhos sem pagar, alegando fome. Prejuízo de R$ 83,00″, diz ele na gravação.

Veja também:
Entregador que sofreu chacota de miss ganha moto em programa de TV

“Rapaziada, não façam entregas para o lado de Quintino, no morro da Caixa D’água”, diz o rapaz no áudio.

Trouxe salgadinho e uma Coca-Cola, R$ 83, os caras me enquadraram, disse que foi eles quem pediram eu falaram que era pra eu me adiantar”, contou o entregador.

“Disse que estava trabalhando desde cedo, mas ele disseram que ‘os amigos’ tinham vindo da guerra e estavam ‘cheio de fome’ e que a ordem partiu do Mano [suposto líder do tráfico]”, afirmou o motoboy.

Entregador leva o prejuízo

Ao reclamar dizendo que esse era o trabalho dele, ainda recebeu uma resposta dos criminosos: “É só tu falar que foi ordem do Mano, fala pro iFood que foi área de risco“, disseram.

Apesar do áudio ter se espalhado nas redes nesta segunda-feira (22), não se sabe quando ele foi gravado. O fato é que deu o que falar.

Veja também:
Mãe pede pizza para ver filho entregador em seu 1º dia de trabalho

Assim que ficou sabendo do ocorrido, outro traficante se revoltou, pois existe uma espécie de “lei implícita” entre eles que determina que é proibido roubar de moradores de dentro da própria comunidade.

“Tem vagabundo que está roubando no morro! Quem fez essa parada está de sacanagem, está com pouca vergonha. Tem que saber quem está roubando no morro. Tem que ver quem é esse ladrãozinho que está roubando entregador. Estão querendo esculachar o império do Mano. Não está certo isso não”, disse o outro traficante, também em um áudio no aplicativo de mensagens.

O morro da Caixa D’água é controlado por uma das principais facções criminosas do Rio de Janeiro. Existe uma guerra travada entre a milícia e o tráfico de drogas.

Uma ação policial resultou na morte de 9 pessoas na comunidade no início do ano. O iFood não se pronunciou sobre o caso do roubo dos salgadinhos.

Golpistas mandam selfie e pedido de desculpas após roubarem R$ 10 mil

Recomendamos para você

Deixe seu comentário

malhação

Ex-Malhação que vende conteúdo adulto cai no choro: ‘parem de me ver como objeto!’

mabel calzolari

João Fernandes cita as dificuldades de criar o filho após a morte de Mabel