in ,

Em entrevista, Ana Hickmann detalha o dia em que foi agredida pelo marido

Apresentadora de 42 anos concedeu uma entrevista exclusiva ao ‘Domingo Espetacular’

Foto: Reprodução/Record TV

A apresentadora Ana Hickmann abriu o coração em uma entrevista exclusiva para o programa ‘Domingo Espetacular’ da Record TV, na qual falou pela primeira vez sobre as agressões cometidas pelo seu ex-marido, Alexandre Correa.

Esta entrevista, que ganhou grande atenção do público, foi transmitida no último domingo (26).

O episódio em questão remonta ao dia 11 de novembro de 2023, um sábado que se tornou marcante na vida de Hickmann.

Foi neste dia que ela registrou uma denúncia de violência doméstica e lesão corporal contra seu marido, o empresário Alexandre Correa.

Este, por sua vez, nega as acusações, argumentando que nunca agrediu Ana Hickmann em 25 anos de união. Ainda segundo ele, a apresentadora estava “extremamente agressiva”.

Durante a entrevista à Carolina Ferraz, Hickmann não poupou palavras ao descrever Correa comocovarde e canalha“.

Ao ser indagada sobre os eventos daquele dia, ela compartilhou: “É difícil reviver algumas coisas, mas agora dá para falar sem chorar. Já chorei muito. Nunca pensei que fosse ter uma montanha-russa de sentimentos e emoções”. 

Ela prosseguiu, detalhando o desenrolar daquela fatídica tarde. 

“Naquele dia 11, eu estava tendo uma conversa com meu filho na cozinha, sobre algumas mudanças que provavelmente aconteceriam na nossa vida com relação à nossa casa, coisas que ele está acostumado, a gente sempre conversou sobre tudo”.

“Por conta dessa conversa e coisas que aconteceram antes, a briga começou, fui achincalhada pelo Alexandre. Começou com uma agressão verbal e depois acabou com o que o Brasil descobriu”, contou Hickmann.

Sobre a presença do filho durante as agressões de Alexandre contra ela, Ana esclareceu: “A hora que ele fechou a porta no meu braço, não. Mas antes disso, sim“.

Por outro lado, Alexandre Correa, em sua defesa, concedeu uma entrevista à revista ‘Quem’ no mesmo dia, alegando ser vítima de umaverdadeira injustiça por parte de Ana.

Veja também:
Angela Ro Ro relembra namoro com Zizi Possi, que teve fim conturbado

Ele também compartilhou um documento no Instagram, supostamente “provando” que uma funcionária teria negado a existência de agressões contra Hickmann.

Ana Hickmann e marido Alexandre Correa
Fotos: Reprodução/Redes Sociais

O ‘Estadão’ obteve acesso ao boletim de ocorrência registrado por Hickmann, que detalha a dinâmica do evento. Conforme o relato, a discussão teve início na cozinha da residência do casal e escalou rapidamente, culminando em uma agressão física.

Hickmann procurou cuidados médicos no Hospital São Camilo, onde uma contusão em seu cotovelo esquerdo foi confirmada. A apresentadora optou, naquele momento, por não solicitar as medidas protetivas oferecidas pela Lei Maria da Penha.

Ana Hickmann - entrevista
Fotos: Reprodução/Record TV

Ana Hickmann revela passado com pai agressor

Na conversa sincera com Carolina Ferraz, Ana também desvendou camadas profundas de sua vida pessoal, traçando um panorama de lutas e superação.

Hickmann abordou temas delicados, desde a violência doméstica sofrida nas mãos do marido até as marcas deixadas por um passado familiar conturbado.

A apresentadora, também conhecida por sua carreira como modelo e empresária, detalhou o histórico de conflitos com Alexandre, destacando que a relação já se mostrava problemática há tempos.

O casal está junto desde que Ana Hickmann tinha 16 anos e Alexandre 26. Ana, com coragem, relatou agressões verbais recorrentes, como ser chamada degorda” e “velha“, e como tais palavras afetavam sua autoestima.

Ele tinha o dom de me fazer sentir uma merda“, disse a apresentadora.

O estopim ocorreu na semana da agressão, quando Ana descobriu irregularidades financeiras na empresa que gerencia junto com Alexandre. Segundo Hickmann, a empresa tem dívidas enormes e há possibilidade de diversos crimes cometidos por Alexandre pelas costas dela.

Veja também:
Filha de Juliano Cazarré consegue ficar em pé pela primeira vez

Entre eles, desvio, fraude, falsidade ideológica. O marido teria falsificado a assinatura de Ana Hickmann para favorecer negócios ilícitos sem o conhecimento dela.

A discussão que se seguiu, presenciada pelo filho do casal, Alezinho, de 10 anos, levou a um confronto físico. Ana descreveu a agressividade do marido e o momento de tensão que culminou com ela sendo ferida ao tentar se proteger.

Esta dolorosa experiência levou Ana a tomar a decisão de pedir o divórcio, processo que está sendo agilizado pela lei Maria da Penha.

A apresentadora expressou o desejo de proteger o filho da situação, preferindo que ele cresça e forme suas próprias conclusões sobre o relacionamento dos pais.

Além dos problemas conjugais, Hickmann revelou descobertas alarmantes sobre a gestão financeira de seu negócio, suspeitando de fraudes e desvios. A investigação em andamento busca esclarecer essas irregularidades e possíveis falsificações.

Em um momento de vulnerabilidade, Ana compartilhou um aspecto doloroso de seu passado: a violência doméstica sofrida por sua mãe nas mãos de seu pai. Ela descreveu como essa realidade marcante influenciou sua percepção e abordagem em relação a relações abusivas.

A relação de Ana com o filho, um aspecto crucial em sua vida, também foi abordada. Ela mencionou o impacto emocional que o divórcio e as circunstâncias atuais estão tendo em Alezinho, demonstrando preocupação e cuidado maternal.

Relacionamento abusivo

Ana Hickmann chocou o público ao compartilhar detalhes de seu passado conturbado com o ex-marido, Alexandre Correa, 51 anos.

Em uma revelação impactante, Hickmann narrou uma jornada de abuso psicológico e agressão física.

Escutei muito que estava gorda“, desabafou Ana Hickmann, expondo o constante controle exercido por Correa.

Segundo ela, o ex-marido controlava a agenda dela não apenas com relação ao trabalho, mas também idas à academia, médicos etc.

Veja também:
Acidente entre ônibus de turismo e caminhão deixa 25 mortos: 'situação de guerra'

E, ainda, há um bom tempo já estava a pressionando para realizar cirurgias plásticas, sob a alegação de que “Ninguém vai te querer velha. Está gorda. Ninguém quer uma Ana Hickmann velha”.

Essa manipulação se estendia a todos os aspectos de sua vida, desde a agenda pessoal até decisões diárias.

A gravidade da situação se aprofunda com as descrições de Hickmann sobre o ex-marido, classificando-o comopreconceituoso“, “agressor“, “covarde” e “canalha“. Ela ainda aponta a possibilidade de uma ampla investigação sobre fraudes financeiras e falsidade ideológica.

Esta confissão na TV representa um momento crucial para Ana Hickmann, que enfrentou desafios em deixar a relação abusiva, muitas vezes desencorajada por comentários externos.

“As pessoas diziam que eu era desequilibrada, que estava trabalhando demais e que esse era o jeito dele, ele só estava me protegendo“, disse.

A entrevista de Ana Hickmann repercutiu bastante nas redes sociais. Internautas ressaltaram a coragem de Ana Hickmann em trazer à luz sua experiência pessoal oferece um retrato alarmante, porém necessário, sobre os desafios enfrentados por muitas mulheres em relações abusivas.

Este relato serve não apenas como uma janela para a vida pessoal da apresentadora, mas também como um alerta sobre a importância de reconhecer e combater o abuso em todas as suas formas.

Ao final, Ana declarou que se sua história ajudar uma mulher a sair de uma relação abusiva e violenta, ela já estará feliz.

Assista à entrevista completa de Ana Hickmann no ‘Domingo Espetacular’:

Ana Hickmann posta vídeo e quebra o silêncio sobre agressão do marido: ‘angústia’

Em Destaque

Recomendamos para você

Deixe seu comentário

William Bonner - George Clooney

William Bonner relata encontro com George Clooney em bar

Ana Hickmann - Alexandre Correa

Marido diz que Ana Hickmann estava bêbada no dia da briga