in ,

Loja diz que demitiu envolvido em polêmica de racismo – mas ele é filho da dona

Após pressão na internet, Papel Craft alegou que demitiu o “funcionário” envolvido no caso

Fotos: Reprodução/Instagram

O instrutor de surfe Matheus Ribeiro denunciou que foi vítima de racismo no último sábado (12) no bairro Leblon, no Rio de Janeiro, ao ser abordado e acusado por um casal branco de ter roubado uma bicicleta elétrica.

A história foi compartilhada pelo próprio Matheus nas redes sociais e acabou viralizando e gerando vários desdobramentos.

Tomás Oliveira e Mariana Spinelli viram Matheus montado na bicicleta e chegaram à conclusão de que ele havia roubado a bike dela.

Veja também:
Youtuber Derick Silverio ameaça suspeito de racismo com arma de fogo

O jovem, morador do Complexo da Maré, contou que ele estava na porta do shopping esperando a namorada quando tudo aconteceu. O casal só acreditou que a bicicleta era mesmo dele após, sem permissão, tentarem – sem sucesso – abrir o cadeado.

Internautas do Brasil inteiro comentaram a situação criminosa e constrangedora que Matheus passou em pleno Dia dos Namorados.

Racismo: jovem é demitido após polêmica

Ao descobrirem que Tomás era funcionário da Papel Craft, uma papelaria de grife carioca, questionaram à empresa se ele não seria demitido após a situação.

O perfil oficial da Papel Craft respondeu dizendo que Tomás Oliveira tinha sido desligado da empresa. Clientes comemoraram o posicionamento.

Contudo, nesta quarta-feira (16) as pessoas descobriram que Tomás é filho da empresária Malica Araújo, que é ninguém mais ninguém menos que a dona da Papel Craft!

Veja também:
Jovem posta foto com comentário racista no Carnaval e perde emprego; entenda

O jovem trabalhava como designer na empresa da mãe. Após pressão na internet, a Papel Craft anunciou sua demissão.

Veja a captura de tela de uma cliente cobrando posicionamento da papelaria:

Foto: reprodução
Foto: Reprodução

Namorada também perdeu o emprego

Mariana Spinelli dava aulas de dança em uma companhia no Rio de Janeiro – e após repercussão da história, também foi demitida.

Matheus Ribeiro foi convidado a participar do ‘Encontro com Fátima Bernardes’ nesta quarta-feira (16). Nas redes sociais, ele publicou fotos acompanhadas de um texto falando sobre resistência.

“A toda discriminação racial, resistência. A todo abuso de poder policial, resistência. A qualquer tratamento com indiferença ao negro, resistência. A todos os negros que sofrem com o racismo dessa sociedade hipócrita dia após dia, toda a voz, coragem e força pra gritar que não aguentamos mais ser tratados desta forma e que esse assunto deve ser visto com seriedade por toda a sociedade”, escreveu ele.

Confira a publicação de Matheus denunciando a atitude racista de Tomás e Mariana:

Camilla de Lucas desistiu de ser modelo após fala racista na adolescência

Comente com o Facebook
Isabeli Fontana

Zion, filho da modelo Isabeli Fontana, passa por cirurgia de alto risco

Foto: reprodução / Instagram

Durante missa, padre chama repórter da Globo de ‘viadinho’ e ele rebate