in ,

Elevador estraga e homem morre após subir 5 andares de escada

Servidor público de 66 anos trabalhava no local; ele sofreu mal súbito e não resistiu

Foto: Danilo Girundi/TV Globo

Em um incidente chocante ocorrido nesta segunda-feira (27), Marcos Tadeu Rozemberg, um servidor público de 66 anos, faleceu em um prédio da Cidade Administrativa, localizado no bairro Serra Verde, em Belo Horizonte, Minas Gerais.

  • Natal de A a Z! Encontre o presente perfeito com economia e frete grátis. Basta clicar aqui e buscar tudo para o seu fim de ano.

O trágico evento aconteceu após Rozemberg subir vários lances de escada até o 13º andar do Prédio Minas – parte da sede do Governo Estadual – que enfrenta problemas com seus elevadores por aproximadamente uma semana.

Colegas de trabalho contaram ao portal ‘G1’ que Rozemberg utilizou um elevador privativo, ainda operacional, até o sétimo andar do edifício.

Posteriormente, ele prosseguiu a pé até o 13º andar, onde se localiza a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG). Ao chegar, Marcos Tadeu sofreu um mal súbito.

Autoridades governamentais informaram que Rozemberg recebeu atendimento médico imediato no local, incluindo auxílio do secretário de Saúde, Fábio Bacheretti. Infelizmente, ele não sobreviveu.

Rozemberg era um especialista em políticas e gestão da saúde. Em comunicado, o governo mineiro expressou suas condolências, estendendo solidariedade aos familiares, amigos e colegas do servidor.

Quanto aos elevadores do prédio Minas, o governo esclareceu que falhas foram identificadas recentemente.

“Por medida de segurança e precaução, desde então, os demais elevadores do prédio foram desligados. A empresa responsável pela manutenção foi acionada e está providenciando um laudo, que deverá ficar pronto nos próximos dias“, declarou o Executivo Estadual.

Veja também:
Pizzaria se desespera após cancelamento de pedido de R$ 3 mil: 'saindo pra entrega'

Durante o período de inatividade dos elevadores, os funcionários do Prédio Minas foram autorizados a trabalhar remotamente. Para situações imprescindíveis, há permissão para o uso do elevador privativo que ainda está funcionando.

prédio público MG
Foto: Danilo Girundi/TV Globo
  • Natal de A a Z! Encontre o presente perfeito com economia e frete grátis. Basta clicar aqui e buscar tudo para o seu fim de ano.

Servidor público é demitido após ir de penetra ao casamento de Lula

Em Destaque

Recomendamos para você

Deixe seu comentário

Dentista - Lucas Maia

Dentista é encontrado morto em apartamento de luxo

Neymar - Aline Farias

Vaza conversa de Neymar pedindo nudes e ele tenta justificar