in ,

Lembra da Elaine? 1ª campeã de ‘No Limite’ revela o sabor do olho de cabra

Com início marcado para esta terça-feira (11), a nova edição será apresentada por André Marques

Foto: Reprodução/TV Globo

Produzido e exibido pela TV Globo no ano 2000, o ‘No Limite’ foi o primeiro reality show da televisão brasileira. A primeira grande campeã, que levou R$ 300 mil na época, foi uma pessoa “improvável” aos olhos de parte dos telespectadores.

Vencendo homens e mulheres musculosos e com físico de atleta, uma mulher obesa de 35 anos levou a melhor.

O nome dela é Elaine Melo e ela conta que se sentiu subestimada por parte do público por ser “gordinha”. Foram a autoconfiançacompetitividade que a fizeram perseverar – e vencer!

Veja também:
Pai de Gilberto, do 'BBB 21', reaparece após 15 anos e diz que ama o filho

Hoje, 21 anos depois, ela deu entrevista ao colunista do jornal ‘Metrópoles’, Leo Dias, e falou sobre sua participação no reality radical de sobrevivência e as expectativas para a nova edição – que tem início marcado para esta terça-feira (11).

“A produção só nos fornecia kit de protetores solares, antidiarreico e remédios para febre. O resto, nós tínhamos de correr atrás, disse Elaine, que revelou ter levado apenas um talco para não ficar com feridas nos pés.

No Limite: o sabor do olho de cabra

“Era uma correria para conseguir comida. O que vemos ao redor poderíamos pegar. O olho de cabra dá aflição para comer, mas não é ruim. […] me lembrou o gosto de ostra, na verdade. Tinha muito coco e goiaba, além de peixe que achávamos num açude ali perto. Mas eram peixes muito pequenos e no mar era impossível”, relembra Elaine.

Segundo a vencedora, o mais difícil foi ficar longe das filhas durante os meses em que o programa foi gravado, em um lugar paradisíaco no nordeste do Brasil. Sobre o retorno do ‘No Limite’ às telinhas, Elaine acredita que terá bastante audiência. 

“Olha, se o novo No Limite vai ser sucesso, não sei te dizer isso. Mas apostaria no sim porque todos estão assistindo cada vez mais reality show, né?”, questiona.

Veja também:
André Marques faz churrasco no meio de um rio e é denunciado por 'crime ambiental'

“As pessoas me perguntavam muito se existiria um novo ‘No Limite’, então acho que todos vão assistir. Fora essa pandemia, onde nós estamos consumindo muito mais programas de TV“, diz ela, que fala também sobre a superação que é passar por cada desafio. 

“Este programa é muito especial. A sobrevivência primitiva nos tira da caixinha e faz com que nós tenhamos de nos expor a situações jamais imaginadas“, disse.

Questionada se já tem um participante para quem iria sua torcida, Elaine afirmou que não. Lembrando que a nova edição do ‘No Limite’ será jogada apenas por ex-BBB’s. 

“No momento não apostaria em ninguém. Mas depois de 2 semanas já conseguimos perceber quem é quem de verdade. Passada duas semanas de perrengue, eles vão externar quem realmente são no jogo”. 

“É uma questão de tempo, não dá para cravar alguém como favorito ao prêmio agora. Depende muito do seu interior e como eles lidam com as próprias dificuldades. A convivência também aperta. O ‘No Limite’ é um laboratório da vivência humana“, finaliza Elaine.

Mesmo tendo tido depressão após o fim do reality, Elaine fala sobre as vantagens de passar pela experiência.

O crescimento maior é interior. Você acaba participando de uma coisa que te priva de tanta coisa: convivência dos que você ama, a vida aqui fora, tudo que acontece. Você acaba valorizando mais as pequenas coisasbem pequenas, mesmo”. 

Veja também:
Popó se orgulha do filho, que é gay, mas divide opiniões ao chamá-lo de 'bichona'

Veja uma foto de Elaine durante o programa ‘Os Melhores Anos das Nossas Vidas’, exibido pela Globo em 2018:

Foto: reprodução / TV Globo
Foto: Reprodução/TV Globo

Confira quem são os ex-BBB’s participantes do ‘No Limite’:

Ex-BBB Sol descobre pela TV que não foi selecionada para o ‘No Limite’ e desabafa

Comente com o Facebook
um sonho possível

Um Sonho Possível: atleta odiou o filme e acha que foi retratado ‘como um idiota’

paulo gustavo

Jogadora do Palmeiras e da seleção diz que Paulo Gustavo foi para o inferno