in , , ,

Pastor que ‘orou pela morte’ de Paulo Gustavo é condenado a quase 3 anos de cadeia

Dona Déa Lúcia, a mãe do humorista, recorreu às redes sociais para comentar a decisão do juiz

Fotos: Reprodução/Redes Sociais

O pastor alagoano José Olímpioque ‘orou pela morte’ de Paulo Gustavo – foi condenado pelo crime de homofobia praticado contra o humorista.

  • GUIA DE PRESENTES PARA O DIA DAS MÃES! Encontre o presente que mais combina com quem te apoia, incentiva, ensina e te ama como você é! Agora a melhor parte: opções de frete grátis com Amazon Prime e tem até um cupom de R$ 15 pra você resgatar! Basta clicar aqui.

O Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ-AL) anunciou, nesta quarta-feira (27), a condenação do pastor que, através de um post no Instagram, insinuou que ao contrário das pessoas que pediam pela recuperação do ator, ele orava para que o diabo levasse Paulo Gustavo desse mundo.

Veja também:
Pastor que desejou morte de Paulo Gustavo pede desculpas, mas será processado

A situação aconteceu em abril de 2021, quando o ator estava internado em estado grave lutando contra complicações da Covid-19. Em 4 de maio ele morreu, aos 42 anos, deixando marido Thales Bretas e dois filhos pequenos.

A Justiça brasileira equipara a homofobia ao crime de racismo desde 2019 e, segundo avaliação do juiz Ygor Vieira de Figueirêdo, a conduta preconceituosa do pastor foi feita diante da orientação sexual de Paulo Gustavo. 

A pena de 2 anos e 9 meses de prisão, inicialmente em regime aberto, foi convertida em prestação de serviços à comunidade. O pastor poderá recorrer em liberdade.

“O pastor José Olímpio prestará serviço à comunidade pelo tempo da pena, durante seis horas semanais e pagará 30 salários-mínimos, que serão revertidos para grupo ou organização não governamental de Alagoas com atuação em favor da comunidade LGBTQIA+”, diz um trecho do comunicado oficial.

“No caso em apreço, diante das evidências existentes nos autos, da foto escolhida para a postagem e do reconhecimento nacional do qual gozava o ator, inclusive por seu engajamento na pauta da comunidade LGBQTIA+, o tom discriminatório é cristalino, motivo pelo qual resta demonstrada que a conduta preconceituosa foi feita em virtude da orientação sexual do senhor Paulo Gustavo, diz o juiz na decisão.

Veja também:
Jogadora do Palmeiras e da seleção diz que Paulo Gustavo foi para o inferno

A postagem feita pelo pastor da Assembleia de Deus, José Olímpio, trazia uma imagem de Paulo Gustavo atuando em um filme em um contexto religioso.

Na legenda, ele disse: “Esse é o ator Paulo Gustavo que alguns estão pedindo oração e reza? E você vai orar ou rezar? Eu oro para que o dono dele o leve para junto de si“. 

Depois das críticas e repercussão negativa, o pastor José Olímpio apagou a publicação e pediu desculpas. 

Veja uma captura de tela:

Post pastor
Foto: Reprodução/Instagram

No processo, o pastor alagoano José Olímpio alegou que não fez qualquer referência à orientação sexual de Paulo Gustavo nem desejou a morte do ator.

“Ao dizer que ora para que ‘o dono dele o leve para junto de si’, o Sr. José Olímpio fez referência ao que difunde diuturnamente em suas pregações. Qual seja, que para um indivíduo ser salvo, deve buscar estar ao lado do ‘Pai’ (Deus), seguindo todos os dogmas e o texto Bíblico. O desejo do Sr. José Olímpio era o de trazer o ator Paulo Gustavo para a Igreja, jamais que ele morresse em decorrência da Covid-19″, disse a defesa do pastor.

Veja também:
Paulo Gustavo deixou vídeo para ser visto no futuro: 'eu amei a vida'

Em sua decisão, o juiz rebateu o argumento afirmando que ficou evidente que o religioso desejava a morte de Paulo Gustavo.

“Primeiro porque se o réu queria que uma entidade sobrenatural levasse Paulo Gustavo para junto dele era porque, evidentemente, ele desejava sua morte. Segundo, porque, conforme a crença que o réu manifestou ter em audiência, ele entende que Deus é o dono de todos os seres humanos, razão pela qual, caso ele quisesse se referir que o ator deveria ficar na companhia do mesmo Deus na qual o acusado acredita, ele teria escrito ‘para que o nosso Dono o leve’ e não para que ‘o dono dele o leve’, expressão que traz a clara distinção de que, sem dúvida, o réu destacou que o Ser que pertence o ator era diferente do Deus a que ele pertencia“, disse o juiz.

O promotor de Justiça Lucas Sachsida falou, em entrevista ao ‘G1’, sobre o quanto a fala do pastor soou ofensiva para muitas pessoas naquele momento.

“Em qualquer situação postagens assim já seriam inaceitáveis. No momento pandêmico, em que o mundo sofria a morte de milhares, a postagem se mostrou muito mais ofensiva. A atuação mereceu firmeza e a sentença refletiu os anseios da sociedade, disse o promotor.

Mãe de Paulo Gustavo comenta condenação de pastor

Dona Déa Lúcia, a mãe de Paulo Gustavo, recorreu às redes sociais para comentar a decisão do juiz de condenar o pastor José Olímpio pelo crime de homofobia após ele ter desejado a morte do ator que sofria com complicações da Covid-19.

Nesta quarta-feira (27), Déa Lúcia declarou: “Ele orou pela morte de meu filho e eu rezo para que ele viva bastante para se arrepender de seus pecados“. 

Seguidores anônimos e famosos comentaram a publicação da mãe de Paulo Gustavo, que o inspirou para a criação da maior personagem de sua carreira, a Dona Hermínia, dos filmes ‘Minha Mãe é Uma Peça’.

Justiça dos homens feita. Que ele conheça a justiça de Deus”, comentou a atriz Nívea Stelmann. “Agora ele vai precisar orar por ele mesmo bastante…”, disse Jesus Luz.

“Dona Dea, sinta-se abraçada!! Esse desprezível acertará suas contas aqui e lá em cima!! A senhora é uma mãe maravilhosa!”, disse Astrid Fontenelle.

Os últimos dias foram movimentados e emocionantes para a família e os amigos de Paulo Gustavo. No último sábado (23), a escola de samba São Clemente levou para a Marquês de Sapucaí uma homenagem ao ator que foi uma das mais de 663 mil vítimas da Covid-19 no Brasil.

Confira uma captura de tela da fala da mãe de Paulo Gustavo:

  • GUIA DE PRESENTES PARA O DIA DAS MÃES! Encontre o presente que mais combina com quem te apoia, incentiva, ensina e te ama como você é! Agora a melhor parte: opções de frete grátis com Amazon Prime e tem até um cupom de R$ 15 pra você resgatar! Basta clicar aqui.

Pastor gera polêmica ao insinuar que ora pela morte de Paulo Gustavo

Recomendamos para você

Deixe seu comentário

Ellen Silva - morta gesto

Jovem é executada por facção criminosa após gesto, sem querer, em vídeo no TikTok

Arturo Medeiros - mulheres 9ª esposa

Já casado com 8, homem está em busca da 9ª esposa: ‘agora quero uma gordinha’