in ,

Vídeo: repórter cai no choro em velório de personal trainer assassinada por vizinhos

A jornalista Melissa Alcântara, no ‘SBT Interior’, explicou por que não conseguiu conter as lágrimas

A jornalista Melissa Alcântara, repórter do ‘SBT Interior’, afiliada do canal no interior de São Paulo, não conseguiu conter a emoção em sua participação ao vivo no velório de Andressa Serantoni – uma personal trainer que foi assassinada a golpes de faca em São José do Rio Preto.

O caso ocorreu durante o telejornal ‘SBT Interior 1ª edição’, exibido na última quinta-feira (13). Melissa explicou que não conseguiu manter o distanciamento profissional exigido pela profissão e que a vítima do crime é sobrinha de um colega.

Veja também:
Repórter da Globo tem crise de riso ao noticiar prisão de garota de programa

“Eu só fiquei quietinha ouvindo e realmente não consegui manter esse distanciamento profissional que às vezes é exigido da gente. […] A vítima é sobrinha de um colega nosso de profissão”, contou ela.

“Eu também não tive coragem de ir até lá cumprimentá-lo, mas ele veio até aqui e, mais uma vez, eu não consegui conter a emoção. Então, eu peço desculpas, mas é isso o que aconteceu”, disse a repórter.

Marcelo Casagrande, apresentador do noticiário, se sensibilizou com as lágrimas da colega.

“Por trás da profissional Melissa, que é competente e tem anos e anos de carreira, tem também uma pessoa com sentimentos, que acaba se envolvendo com a história como todos nós”, afirmou.

Assista:

O crime

Andressa Serantoni foi assassinada na quarta-feira (12). Segundo a Polícia Militar (PM), ela foi até a casa da mãe para alimentar o cachorro da família quando começou uma discussão com uma vizinha, que estava filmando a personal trainer com o celular.

O marido dessa vizinha escutou a discussão e foi até a calçada armado com uma faca. Para o portal ‘Uol’, vizinhos que testemunharam o crime afirmaram que a mulher segurou a personal trainer enquanto o homem a golpeava.

O casal, identificado como Joel Fernandes Santos e Sidileide da Paixão Santos, foi preso horas após o crime e assumiu sua autoria. De acordo com o portal ‘G1’, o suspeito já havia tentado matar um vizinho no ano de 2015 e ainda responde a esse processo na Justiça.

Comente com o Facebook
romero britto

Vídeo: mulher vai ao ateliê de Romero Britto, compra obra de R$ 26 mil e quebra

Mãe-Saundra e Faviola espírito

Mãe diz ter visto espírito da filha visitando túmulo em cemitério