in ,

Por que o SBT quase não cobriu a morte de Gugu? Ordens de Silvio Santos

Patricia Abravanel explicou que a emissora não queria ganhar audiência em cima da tragédia

O velório do apresentador Gugu Liberato, morto no último dia 22 de novembro, movimentou a televisão brasileira na última quinta-feira (28). A Record TV e a TV Globo dedicaram-se à cobertura da cerimônia, que ocorreu na cidade de São Paulo e durou cerca de 24 horas. Porém, na ocasião, o SBT incomodou internautas ao optar por abordar o fato com muita discrição.

Veja também:
SBT é criticado por exibir programação normal durante velório de Gugu

Marcado pela emoção de familiares, visita de amigos famosos e enorme aglomerado de fãs que queriam se despedir de Gugu, o velório ganhou programação especial por parte de diversas emissoras. Em contraponto, o SBT, onde o apresentador ficou famoso e trabalhou durante mais da metade de sua carreira, exibiu sua programação normal na data.

Alguns dias depois, duas fontes oficiais revelaram o motivo de tamanha discrição. Os apresentadores Dudu Camargo e Patrícia Abravanel deram suas versões do fato e explicaram os motivos.

Quem tocou no assunto a princípio foi Dudu Camargo, durante uma entrevista ao programa ‘Tricotando’, da RedeTV!. Ele acabou revelando que toda a cobertura já estava preparada, com mobilização de equipe e até mesmo um helicóptero para mostrar o velório de Gugu.

Silvio Santos, no entanto, ordenou que todos recuassem e que a programação fosse mantida. O proprietário da emissora preferiu uma cobertura discreta sobre o fato.

“Eu confirmo a você que realmente foi ordem do Silvio Santos. Nós já estávamos com uma cobertura preparada com câmeras, um helicóptero para acompanhar a chegada do avião com o corpo que pousou em Viracopos. A gente estava com a cobertura preparada. Perguntamos ao Silvio se poderia derrubar a grade e seguir uma mistura do artístico com o jornalismo, para seguir nessa cobertura. E o Silvio decidiu que não”, disse o âncora do ‘Primeiro Impacto’.

Quem complementou as informações, mais tarde, foi Patrícia Abravanel. Em um comentário no Instagram da colunista Patrícia Kogut, a apresentadora e uma das filhas de Silvio Santos explicou o que motivou o pai a tomar tal decisão.

Veja também:
Fãs são criticados por tirarem selfies e fotos do caixão de Gugu

Na postagem, a jornalista criticava Silvio e o SBT pela cobertura discreta, que ela considerou “deselegante”. Patrícia, então, saiu em defesa do pai e explicou que a decisão foi tomada de forma a respeitar a dor da família de Gugu naquele momento.

“O ‘Domingo Legal’ foi todo em homenagem ao Gugu. Nosso jornalismo, nossos breaks, compramos página no jornal para homenagear. Uma pena estarem nos avaliando dessa forma. Gugu sempre foi muito amado por todos nós da família. Ele fez parte da nossa história e, enquanto esteve conosco, era o braço direito do meu Pai. Fizemos de tudo para ele ficar, mas a oferta da outra emissora era praticamente impossível de recusar e sempre entendemos isso”, escreveu Patrícia, inicialmente.

A filha de Silvio continuou: “Nossa postura foi homenagear na medida certa, não visando ganhar audiência em cima de uma tragédia. Não mostrar o velório foi uma terminação do meu pai, que achava que seria uma proteção para família do Gugu. Com 89 anos essa foi a forma dele de honrar a família com muito respeito”.

Veja também:
Corpo de Gugu Liberato é sepultado em cemitério da cidade de São Paulo

Comente com o Facebook
cida bbb 4

Vencedora do ‘BBB 4’, Cida perdeu todo o prêmio e até casa após golpe

gugu viny vieira

Viny Vieira, o Gluglu, é informado sobre morte de Gugu após deixar ‘A Fazenda 11’