in ,

Tatá Werneck é criticada pelo uso de face shield em despedida de Paulo Gustavo

A humorista compareceu à cerimônia de cremação do ator e foi considerada “exagerada”, mas rebateu as críticas

Fotos: Reprodução/Instagram

A humorista Tatá Werneck foi uma das pessoas que mais se envolveu nas correntes de oração organizadas nas redes sociais pela recuperação de Paulo Gustavo. Após a morte do ator, ela compartilhou fotos e textos com homenagens ao amigo.

Nessa quinta-feira (6), no entanto, a apresentadora foi criticada por ter ido à cerimônia de cremação de Paulo Gustavo, realizada em Niterói, Rio de Janeiro, usando duas máscaras e face shield.

Veja também:
Médium psicografa suposta carta sobre Paulo Gustavo e entrega para a família

O face shield é uma espécie de escudo facial, é um item de proteção individual que cobre o rosto inteiro do usuário e protege contra riscos diversos no ambiente de trabalho.

Durante a pandemia de Covid-19, ele está sendo muito utilizado em hospitais, escolas e ambientes empresariais.

Veja Tatá ao lado do marido, Rafael Vitti, chegando à cerimônia de despedida de Paulo Gustavo:

Foto: reprodução
Foto: reprodução

Tatá foi taxada com “exagerada” por ter recorrido a mais de um meio de se proteger do vírus, que tem se mostrado imprevisível ao atingir organismos de forma diferente, sendo extremamente agressivo para algumas pessoas, como foi o caso do intérprete de Dona Hermínia.

Sim, estão xingando a Tatá Werneck por estar protegida com duas máscaras, face shield e álcool em gel na mão para o velório do Paulo Gustavo. A gente entende muita coisa com isso, né…”, disse uma internauta.

Tatá Werneck rebate as críticas

A apresentadora do ‘Lady Night’, no Multishow, disse que prefere ser exagerada do que irresponsável num momento tão crítico no país.

“As pessoas são bobas demais. Criticam quem não se protege. E na mesma medida quem se protege demais. Prefiro ser chamada de exagerada do que de irresponsável, disse Tatá.

A morte de mais de 400 mil pessoas – agora de Paulo Gustavo – deixou milhões de brasileiros consternados. O ator já havia dito que tinha medo de contrair a doença, pois não sabia como seu corpo reagiria ao vírus e poderia morrer, o que infelizmente aconteceu.

Paulo dizia para pessoas próximas que queria muito ver seus filhos crescerem. Por isso, ele cumpriu o isolamento recomendado desde março de 2020. Mas acabou sendo infectado em março de 2021 e morrendo após mais de 50 dias na UTI.  

Veja também:
Pastor que desejou morte de Paulo Gustavo pede desculpas, mas será processado

Além de Tatá Werneck e familiares de Paulo Gustavo, estavam presentes na cerimônia de cremação Ingrid Guimarães, Heloísa Périssé, Samantha Schmütz, Preta Gil, Mônica Martelli, Marcus Majella.

Confira o tuite de Tatá Werneck respondendo às críticas de excesso de proteção:

Leia o texto compartilhado por Tata homenageando seu amigo, Paulo Gustavo:

Paulo Gustavo pagou auxílio para 120 profissionais desempregados na pandemia

Comente com o Facebook
sasha

Após 1 ano de namoro, Sasha e João Figueiredo vão se casar este mês

detetive de maridos

Após ser traída, mulher vira detetive e já desmascarou mais de 400 homens