in ,

Resolvido! Justiça decide que viúva de Gugu receba pensão mensal

Juiz determinou que Rose Miriam di Matteo receberá mesmo valor destinado a mãe do apresentador

A Justiça decidiu, de maneira liminar (provisória), que a médica Rose Miriam di Matteo, viúva do apresentador Gugu Liberato, deverá receber uma rica pensão mensal no valor de R$ 100 mil. Nesta sexta-feira (24), o juiz considerou a mesma quantia determinada em testamento pelo artista de maneira vitalícia para sua mãe.

Rose havia entrado com dois pedidos que ainda correm na Justiça. Além de buscar ter sua união estável reconhecida e tornar-se uma herdeira legal, ela também pede para ser inventariante dos bens deixados pelo artista.

Para justificar-se, ela escreveu nas ações que tem passado por “dificuldades de toda natureza” em relação à família, visto que Gugu era seu “provedor”.

Ela disse, também no documento, que foi companheira do apresentador por quase 20 anos, além de ser a representante legal das gêmeas Marina e Sofia, filhas do casal que ainda são menores de idade.

 

“A decisão foi sensível ao momento que passa Rose Miriam. Após a morte de Gugu, que era o mantenedor dela e dos filhos, ela ficou sem recursos até para manter as despesas de casa, já que a inventariante do espólio é a irmã de Gugu, que não repassou absolutamente nada para Rose”, disse o advogado da viúva.

Os familiares de Gugu disseram, em nota, que não comentarão o assunto “em respeito aos menores envolvidos no caso”.

Rose busca a Justiça

A polêmica tem início no fato de que Gugu e Rose Miriam nunca se casaram oficialmente. Eles também nunca registraram um contrato de união estável. Apesar disso, os dois viveram juntos por quase 20 anos e tiveram três filhos juntos.

“Qualquer mulher no meu lugar faria isso. Está parecendo que é uma briga. Mas não é. Eu tenho todo o direito de me colocar no meu lugar – infelizmente, na condição de viúva. A própria família dele estava ‘cansada’ de nos ver juntos, há 19 anos”, disse ela em entrevista ao jornal ‘Folha de S. Paulo’.

Veja também:
Vendedor de água na praia faz sucesso com dicas de negócios e palestrou em Harvard

Gugu decretou sua irmã Aparecida Liberato, via testamento assinado em 2011, como a inventariante dos bens e curadora da fortuna dos filhos caso ainda fossem menores. Rose não foi citada no documento e está excluída do usufruto e da administração do patrimônio das crianças.

Para a exclusão, Rose acredita ter uma explicação. Ela afirma que, na ocasião, o casal estava vivendo uma “crise na união”.

Os familiares de Gugu parecem estar dispostos a derrubarem os argumentos de Rose e alegam que ela tem seguido conselhos de “terceiros não contemplados no aludido testamento”. Além disso, a família garante que a médica jamais foi esposa do apresentador e que eles eram apenas amigos.

Gugu Liberato deixou, via testamento, quase toda a sua herança para os três filhos. Uma pequena parte foi destinada para cinco sobrinhos. Rose Miriam e Gugu tiveram três filhos juntos: além das gêmeas Marina e Sofia, de 16 anos, são pais de João Augusto, de 18.

Dessa forma, Rose Miriam Di Matteo explicou que buscou a Justiça para que se reconheça a sua união estável e que ela possa ter direito a uma parte da herança. Ela já chegou a registrar em cartório que doará tudo para os filhos e permanecerá apenas com o usufruto de parte dos bens que sejam necessários para a sua sobrevivência.

A médica também registrou um boletim de ocorrência contra o advogado que representa os irmãos e sobrinhos de Gugu, Carlos Eduardo Farnesi de Regina, por assédio moral. Ela afirma ter sido abordada por ele ainda no funeral do marido, momento em que estava abalada e sob efeito de calmantes.

Veja também:
Kevinho se derrete na web e assume nova namorada, a modelo Gabriela Versiani

Pensão para Maria do Céu

O apresentador também pensou no bem estar de sua mãe quando escreveu seu testamento, em 2011. Dona Maria do Céu, atualmente com 90 anos de idade, foi citada no documento – e o filho garantiu que ela possa continuar vivendo com tranquilidade.

Gugu estabeleceu que Maria do Céu deverá receber uma pensão vitalícia de R$ 100 mil mensais. Além disso, ele impôs parâmetros para reajuste do valor anualmente.

Quem deverá arcar com o pagamento mensal será, justamente, os herdeiros do apresentador – todos os netos de Maria do Céu. Gugu deixou 90% de seu patrimônio para os três filhos: João Augusto, Marina e Sofia. O restante foi delegado a seus sobrinhos.

Ainda, o comunicador deixou determinado que a mansão em que ele vivia, em bairro nobre da cidade de São Paulo, se mantenha em usufruto da mãe.

A morte de Gugu

O apresentador Gugu Liberato morreu nos Estados Unidos no dia 22 de novembro de 2019, aos 60 anos de idade. Ele tinha sofrido um grave acidente doméstico em sua casa na cidade de Orlando e, até então, estava sendo mantido em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em uma instituição de saúde.

“Nosso Gugu sempre viveu de maneira simples e alegre, cercado por seus familiares e extremamente dedicado aos filhos. E assim foi até o final da vida, ocorrida após um acidente caseiro”, informou a assessoria de imprensa do artista.

A nota também dava detalhes sobre o acidente sofrido por Gugu: “Ele sofreu uma queda acidental de uma altura de cerca de quatro metros quando fazia um reparo no ar condicionado instalado no sótão. Foi prontamente socorrido pela equipe de resgate e admitido no Orlando Health Medical Center, onde permaneceu na Unidade de Terapia Intensiva, acompanhado pela equipe médica local”.

Veja também:
Scheila Carvalho chora ao ver filha dançando ao lado do pai no palco

 

Velório de Gugu

Após permanecer em velório na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) por cerca de 24 horas, o corpo de Gugu Liberato seguiu para o cemitério por volta das 10h do dia 29 de novembro.

O corpo foi levado ao Cemitério Gethsêmani, na cidade de São Paulo, por um carro aberto do Corpo de Bombeiros. João Augusto Liberato (18), filho mais velho de Gugu, foi junto dentro do caminhão. Os outros familiares seguiram em cortejo em outros veículos, acompanhados por amigos e fãs.

O caminhão do Corpo de Bombeiros passou pela Avenida Brasil, Avenida Rebouças, Avenida Francisco Morato, Rua Manoel Jacinto e Rua Doutor Dante Bertacci. O percurso teve cerca de 10 km.

Durante o cortejo, cerca de 600 taxistas fizeram uma carreata para homenagear o falecido. A chegada ao cemitério se deu por volta das 11h20 e, às 12h, foi iniciado o sepultamento.

Após anunciar que o enterro seria íntimo, a família voltou atrás e a cerimônia foi aberta, contando com a presença de cerca de 2 mil pessoas no cemitério e imediações. Durante todo o tempo, fãs gritavam mensagens de apoio. A família acompanhou o procedimento ao redor do túmulo.

Dona Maria do Céu, 90 anos, mãe de Gugu Liberato ficou no local até o fim. Também acompanharam a cerimônia a viúva, Rose Miriam, e os filhos João Augusto, Marina e Sofia. O apresentador foi enterrado no jazigo da família, onde há 10 anos, o pai dele era sepultado também em um 29 de novembro.

Comente com o Facebook
boca rosa

Sexo grupal? Relembre as polêmicas de Bianca Andrade, a Boca Rosa do ‘BBB 20’

bom sucesso

Reprise do último capítulo de ‘Bom Sucesso’ contará com cenas inéditas