in , ,

Ex-BBB diz que Neymar ‘estuprou até que provem o contrário’ e pode ser investigada

Hana Khalil emitiu suas opiniões sobre a polêmica, gerou controvérsia e pode ter entrado em encrenca

A ex-BBB Hana Khalil também se meteu no escândalo do jogador Neymar, que foi acusado de estupro recentemente. Após usar as redes sociais para dar sua opinião sobre o caso, a influenciadora digital pode ter entrado em uma encrenca: ela poderá ser investigada por suas declarações.

Tudo começou quando ela publicou um vídeo onde alega que o jogador “estuprou até que provem o contrário” e manifesta indignação.

“Quando acontece  uma coisa dessas a gente perceber o quanto a sociedade não sabe se comportar, não sabe a gravidade, o teor do que isso significa… Não sabem se comportar diante de uma situação e uma notícia como essa”, disse, usando a função Stories de sua conta no Instagram.

“Deixa eu contar um segredo: vocês podem transar com a pessoa 99 vezes, mas se na centésima ela dizer não e você forçar, é estupro! Vocês precisam parar com esse esteriótipo que estupro é apenas quando a pessoa é encurralada em um beco”, continuou.

“Mesmo que a garota esteja mentindo querendo se aproveitar da grana do Neymar, como vocês estão falando, até que se prove o contrário, até que a justiça prove o contrário, ele é estuprador”, finalizou ela. Veja:

Após as declarações repercutirem na internet, o jornal ‘Extra’ apurou que a equipe jurídica do atacante do PSG está analisando os vídeos e poderá tomar alguma providência.

Veja também:
Anos depois, Fani Pacheco revela quanto dinheiro ganhava após o BBB

Mais tarde, Hana voltou a falar no assunto, rebatendo as críticas que recebeu as redes sociais. “O pior do brasileiro é a falta de interpretação de texto, a outra dizendo ‘COMO VC PODE GARANTIR QUE ELE EH ESTUPRADOR???’. Num contexto que coloquei como ‘até que se prove o contrario, ele estuprou a menina’. Vocês precisam urgente de aulas de redação e interpretação. Sério”, escreveu ela no Twitter.

“Não me surpreende essa penca de gente/blogueiras achando um absurdo cogitar que o Neymar pode ter estuprado alguém. Por que é basicamente como o nosso presidente se posicionaria em um CASO de estupro”, continuou.

“É basicamente como qualquer pessoa se posiciona quando ouve que um cara possivelmente estuprou alguém. As pessoas querem que o homem saia ileso pq não querem lidar com o fato de que essa cultura existe, e isso é muito triste”, afirmou.

“Quero que saiba: eu não tenho medo de perder seguidores e ter hate, por que eu não sou ferramenta padrão de internet. eu sou comunicadora e formadora de opinião. eu to aqui pra seguirem minhas ideias e concordarem ou discordarem, por isso boa sorte em tentar me ofender, é livre. Porque mano, se ninguém falar eu vou falar. Eu sou ATIVISTA antes de ser influencer ou qualquer merda que fazem as pessoas se tornarem produtos robôs com medo de se posicionar, pra mim ISSO TEM FUNÇÃO SOCIAL E NÃO SÓ DE ENTRETENIMENTO, não vale porque não faz diferença no mundo”, escreveu.

Veja também:
Após pedir demissão, bancário aparece vestido de Homem-Aranha em último dia

“Portanto: pode se incomodar. Mas antes de correr seus dedinhos no tecladinho do seu iphone x pra bater boca comigo e reproduzir discurso de conservador patriarca, sugiro dar um Google pra entender melhor sobre cultura de estupro porque não tem como eu explicar desde a era das cavernas”, finalizou.

Treta! Por causa de Neymar, dupla do Fox Sports briga ao vivo na TV

Comente com o Facebook
neymar

Treta! Por causa de Neymar, dupla do Fox Sports briga ao vivo na TV

kelly key

Kelly Key: ‘Mando fotos sem roupas para minhas amigas, é um fetiche’