in ,

Paula comparece à Delegacia e presta depoimento com duração de uma hora

Vencedora do BBB 19 está enfrentando acusações por crimes de racismo e intolerância religiosa

A 19ª edição do ‘Big Brother Brasil’, da TV Globo, chegou ao fim e coroou a mineira Paula como sua grande vencedora com um prêmio de R$ 1,5 milhão. A mineira foi uma das participantes mais polêmicas e emblemáticas do programa, se tornando alvo de uma investigação da polícia por racismo e intolerância religiosa.

Nesta segunda-feira (15), ela compareceu à Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância, na cidade do Rio de Janeiro e prestou seu depoimento, que teve duração de mais de uma hora.

A revista ‘Quem’ noticiou que, após a conversa com os responsáveis pelo caso, Paula optou por deixar o ambiente pela porta dos fundos. Ela foi acompanhada por seguranças até o carro e chegou a cobrir o rosto.

A investigação foi iniciada enquanto Paula ainda estava confinada na casa do reality show. Ela está sendo acusada por crimes de racismo e intolerância religiosa, graças a declarações feitas dentro do programa.

Paula sofre ameaças e desiste de comparecer em encontro com ex-BBB’s

Comente com o Facebook
whindersson

Após desabafar sobre depressão, Whindersson Nunes cancela shows até agosto

feedclub cozinheiro emprego

Cozinheiro empregado após 24h em fila de emprego pediu demissão em 1 semana