in ,

Duda Reis faz novas e sérias acusações contra Nego do Borel: ‘dizia que negros fedem’

Segundo ela, ações de caridade publicadas na internet pelo cantor não passam de encenação

Foto: Reprodução/Instagram

Segue dando o que falar o término entre a atriz Duda Reis e o funkeiro Nego do Borel! A jovem tem usado as redes sociais para publicar uma série de desabafos e denúncias sérias contra o ex, entre elas, diz ter sido vítima de agressões durante o relacionamento. Agora, em novos vídeos, ela também afirma que o cantor tinha atitudes racistas.

Além de ter sido traída por ele mais de uma vez, ela declarou ter sido agredida fisicamente por diversas vezes ao longo dos três anos em que permaneceram juntos.

Duda Reis afirmou que todas as denúncias estarão no Boletim de Ocorrência que ela vai abrir contra o artista. “Passei três anos achando que amor era apanhar e depois receber um beijo. Sendo que amor não é isso”, disse ela.

Veja também:
Aos prantos, Duda Reis diz que pedirá medidas protetivas contra Nego do Borel

Segundo a própria Duda, Nego contratou uma advogada criminalista especializada em crimes contra a mulher e a profissional estaria ajudando o cantor a se livrar das suspeitas de agressão.

Ela reafirma que a postura dele era extremamente violenta e abusiva. “Eu era muito manipulada e tinha muito medo. Ele me ameaçava, dizia que eu brigava com cachorro grande e que iria mandar matar minha família. Me sentia um rato num beco sem saída. A pior sensação do mundo”, declarou.

Dentre as mentiras que o funkeiro contava para ela está o fato de que se eles terminassem o noivado nenhum outro homem iria querer se relacionar com ela.

“Ele dizia que nenhum homem iria me querer, que nenhum homem seria capaz de amar uma mulher como eu. Eu apanhava e depois recebia amor”, disse.

A atriz conta que, em certa ocasião, Nego a agrediu na frente de um amigo famoso dele. “Teve um episódio que ele me empurrou tão forte que eu caí em cima de várias cadeiras e me machuquei. O amigo dele, que é uma figura pública, entrou no meio para tentar segurar”, afirmou.

Duda Reis e Nego do Borel estavam noivos há 6 meses. O ex-casal sempre publicava muitas fotos e vídeos juntos nas redes sociais. Os últimos cliques publicados são da viagem que fizeram para as Maldivas e para Dubai.

O relacionamento deles nunca foi completamente tranquilo. Muitas pessoas eram contra, pois diziam que Nego e Duda eram de “mundos diferentes”. Comentários racistas eram frequentes nas fotos do casal.

Matérias falando sobre a desaprovação dos pais de Duda com relação ao namoro e noivado com Nego eram divulgadas com frequência também.

Nos vídeos, publicados nesta quarta-feira (13) no Instagram, Duda pede perdão à sua família e amigos que, por diversas vezes, tentaram alertá-la sobre quão abusivo era o relacionamento que ela estava vivendo, mas ela não os ouvia pois estava “cega” e era totalmente dependente emocionalmente de Nego.

Em certa ocasião, surgiu uma notícia de que a jovem havia sido agredida pelo cantor. Ela, no entanto, gravou um vídeo negando a informação.

Veja também:
Henri Castelli decide admitir que sofreu agressão, chora em vídeo e mostra ferimentos

Contudo, recentemente, ela afirmou que ele a obrigou a gravar aquele vídeo e falou tudo que ela deveria dizer. “Às vezes que me expus aqui a favor, eu era obrigada a fazer isso porque tinha medo”, disse Duda.

Duda Reis afirma que Nego do Borel é racista

Além das denúncias citadas acima, Duda Reis também acusou Nego do Borel de cometer outro crime: racismo.

O cantor, que é negro e de origem humilde, nasceu e cresceu no Morro do Borel, na cidade do Rio de Janeiro, costuma publicar vídeos nas redes sociais mostrando momentos em que ele faz alguma caridade para pessoas necessitadas. No entanto, de acordo com a ex, tudo não passa de “autopromoção”.

Várias vezes, ele posta vídeos chamando meninos que pedem dinheiro no sinal para entrarem no seu carro luxuoso, leva-os para um shopping, compra presentes, roupas e comida para eles. Em outra ocasião, ele distribui notas de dinheiro para pessoas pobres na rua.

Sempre dividindo opiniões por esse tipo de conteúdo, Nego segue tendo essa postura que acabou lhe proporcionando a imagem de uma pessoa “caridosa”, que se preocupa com a miséria dos outros.

Contudo, segundo a ex-noiva, tudo isso não passa de encenação para se autopromover. “Só tratava bem quando as câmeras estavam ligadas. Cuidado na questão de caridade dele porque é tudo uma mentira ele faz só para se autopromover mesmo, é tudo mentira”, afirmou ela.

Veja também:
Youtuber Derick Silverio ameaça suspeito de racismo com arma de fogo

A jovem disse, ainda, que Nego dizia odiar pobres e negros. “Ele parava de gravar e falava: ‘Odeio pobre, odeio negro. Eles fedem'”. Ela, então, respondia: “Cadê a representatividade?”.

Ao final dos vídeos, Duda Reis alerta o público sobre a postura de Nego: “Cuidado quando forem aplaudir uma ação social dele porque nunca é de coração”.

Duda Reis tem recebido apoio de muitas pessoas nas redes sociais, principalmente de mulheres.

A ex-BBB Gizelly Bicalho, que é advogada criminalista, inclusive, se ofereceu para defendê-la pro bono (sem cobrar nada) durante o processo. “Se ele tem advogada, você também tem!”, afirmou ela pelas redes sociais.

Confira a fala de Duda Reis:

Nego do Borel se pronunciou rapidamente através de um texto publicado nos Stories do Instagram. Ele nega todas as denúncias feitas por Duda e diz que vai falar sua versão da história em breve. Leia:

Foto: reprodução / Instagram
Foto: Reprodução/Instagram

Confira algumas reações de internautas sobre o caso:

Sem audiência, morre a idosa que processava Nego do Borel por susto em aeroporto

Comente com o Facebook
marina ruy barbosa

Relembre: Marina Ruy Barbosa e Xande Negrão se casaram quatro vezes

Paola Carosella-MasterChef saida

Paola Carosella cita mais um motivo para sua saída do MasterChef